Sexta-feira, 10 de Julho de 2020
EQUIPE

Novo governo define nomes para a Política Fundiária, SNPH, Jucea e Cetam

Até o momento, já foram anunciados 26 nomes para compor os cargos de comando dos órgãos de administração estadual para a próxima gestão.



NOVOS_SECS_C30679F2-9752-4E5B-8306-BBCAD4304297.JPG
17/12/2018 às 12:26

Mais quatro nomes foram escolhidos pelo governador eleito do Amazonas, Wilson Lima, para integrar a equipe de governo.  O anúncio foi feito na manhã desta segunda-feira (17), por meio da assessoria de imprensa de Lima. Os nomes divulgados foram: Joésia Pacheco para o Cetam; Jorge de Almeida Barroso para a SNPH; Enio Ferrarini para a Jucea e Keit Maciel para a secretaria estadual de Política Fundiária. 

À exceção de Enio Ferrarini que vem da iniciativa privada e nunca fez parte do serviço público, os outros três são técnicos que já atuam nas áreas para as quais serão nomeados. 



“Minhas decisões seguem tendo como base o critério técnico, portanto acredito que teremos uma equipe eficiente para executar com competência suas funções”, disse Wilson Lima.

Até o momento, já foram anunciados 26 nomes para compor os cargos de comando dos órgãos de administração estadual para a próxima gestão. Até o dia 13, eram 16 os nomes fechados. Na sexta-feira, 14, outros seis foram divulgados. 


Cetam:

Joésia Moreira Julião Pacheco, 56 anos, nascida no Rio de Janeiro, há mais de 35 anos em Manaus. Graduada em engenharia civil e administração; mestre em engenharia da produção; doutora em engenharia da produção. 
Servidora efetiva do governo do estado e professora da Univerdidade do Estado do Amazonas (UEA); já atuou na secretaria de Administração; no Ipaam; na Seduc e foi diretora financeira e presidente do Cetam. 
Foi na gestão de Joésia que a sede do Cetam foi construída e o quadro efetivo começou a ser estruturado com a realização do primeiro concurso da instituição.

SNPH:

Jorge de Almeida Barroso, 61 anos, nascido em Manacapuru. Formado em engenharia civil; pós-graduado em navegação interior e mestrando em gestão ambiental.
Funcionário do ministério dos Transportes, tendo trabalhado no porto de Manaus, na SNPH. Há 38 anos atua na área fluvial.

Jucea:

Enio Luiz Ferrarini, 56 anos, nascido no Paraná. Formado em economia e pós-grduado em finanças. 
Trabalhou 24 anos em bancos e veio para Manaus como superientende do HSBC. Atualmente faz parte do quadro de diretores do CDL

SPF:

Keit Maciel, 34 anos, nascida em Manaus. Graduada em engenharia florestal com pós-graduação em perícia auditoria e gestão ambiental e em georreferenciamento de imóveis rurais.
Atualmente é a diretora técnica da SPF. Está na secretaria desde 2012. 
Trabalhou no Exército brasileiro na área de regularização fundiaria, na sessão de patrimônio.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.