Publicidade
Manaus
mudanças

Novo secretário visita presídios e estuda liberar visitas a detentos

De acordo com Cleitman Coelho, liberação das visitas será decidida caso a caso vai depender do bom comportamento dos presos 14/01/2017 às 12:36
Show img0017360621
Tenente-coronel da PM assumiu a Seap nesta sexta-feira (Foto: Arquivo AC)
Mayrlla Motta Manaus (AM)

Sem visitas permitidas desde que a rebelião  sangrenta do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) desencadeou a maior crise do sistema penitenciário da história do Amazonas, os detentos sob custódia do Governo do Amazonas podem ver a situação mudar em breve.

O novo secretário de Administração Penitenciária, tenente-coronel Cleitman Coelho, afirmou que está fazendo as avaliações necessárias para retomar as visitas. No entanto, frisou que isso depende muito mais dos próprios detentos que do Governo do Estado.  “Iremos liberar conforme o comportamento dos presos”, disse, taxativo.

De acordo com Cleitman, neste fim de semana ele estará visitando as unidades e se tudo estiver em ordem e sem ameaças de rebeliões as visitas poderão ser liberadas por unidade prisional. “Já conversei com os presos. Se tiver riscos de rebelião nós não vamos abrir. Quem vai facilitar essa decisão é o próprio preso”, afirmou.

Cleitman Coelho assumiu a Seap nesta sexta-feira e afirmou que sua gestão será marcada pela disciplina. "Preso tem que entender que quem manda é o Estado", afirmou.

Publicidade
Publicidade