Publicidade
Manaus
Manaus

Número de ocorrências no Fecani cai 44% comparado ao ano passado, diz SSP-AM

As principais ocorrências registradas foram as de menor vulto como desordem, perturbação de tranquilidade, pequenos furtos, atitude suspeita e embriaguez ao volante 07/09/2015 às 10:56
Show 1
As principais ocorrências foram por desordem, pequenos furtos e embriaguez
acritica,com ---

Com fiscalização reforçada na estrada e policiamento ostensivo intensificado, o Festival da Canção de Itacoatiara (Fecani) que iniciou na última sexta-feira, encerrou a programação na madrugada desta segunda-feira (7), sem registro de ocorrências graves.

Comparado com o ano passado, os registros de crimes caíram 44%, segundo informou a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

De acordo com o secretário-executivo-adjunto de Planejamento e Gestão Integrada da SSP-AM, Dan Câmara, desde sexta-feira, houve reforço do policiamento em 25 pontos de interesse nos municípios de Rio Preto da Eva e Itacoatiara.

Ele destaca a estratégia de mapear as ocorrências nos locais de interesse, conforme vem acontecendo nas últimas operações integradas do Sistema de Segurança, como o 50º Festival Folclórico de Parintins e o 19º Festival de Cirandas de Manacapuru. “Dessa forma conseguimos melhorar a estratégia de segurança para o ambiente da cidade, e em especial para o Fecani onde três centros ligados entre si, em Manaus, Rio Preto da Eva e Itacoatiara”.

As principais ocorrências registradas foram as de menor vulto como desordem, perturbação de tranquilidade, pequenos furtos, atitude suspeita e embriaguez ao volante. Os órgãos estão realizando também abordagens a pessoas, veículos e fiscalização a estabelecimentos no município.

Ao todo, a operação envolve cerca de 800 servidores da Polícia Militar, Polícia Civil, Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM), Corpo de Bombeiros e SSP-AM, que atuam de forma integrada com órgãos municipais como Conselho Tutelar, Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) e o Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT) de Itacoatiara. Toda a ação está sendo monitorada pelo Centro Integrado de Comando E Controle do Amazonas (CICC-AM).


Publicidade
Publicidade