Domingo, 19 de Janeiro de 2020
COMBATE

Operação contra venda ilegal de joias resulta em apreensão superior a R$ 16 milhões

Joias de ouro, pedras preciosas, diamantes, cheques e dinheiro em espécie foram apreendidos



JOIAS_8DADF645-064C-45CE-9133-5143D4ECA771.JPG Foto: Divulgação
18/02/2019 às 19:19

Aproximadamente 60 kg de joias e pedras preciosas e mais de R$ 40 mil em espécie foram apreendidos durante operação de combate à comercialização ilegal de ouro em Manaus. Segundo a Receita Federal, estima-se que os bens retidos ultrapassem R$ 16 milhões. A ação foi realizada pelo Serviço de Vigilância e Repressão ao Contrabando e Descaminho (SEREP) da Alfândega do Porto de Manaus, com a participação da Secretaria de Fazenda do Amazonas (Sefaz/AM) e a Polícia Federal.

A operação iniciou com uma investigação da Equipe de Análise de Risco do SEREP, resultando na fiscalização de alguns estabelecimentos comerciais por parte da Receita Federal, juntamente com a Sefaz, na última quinta-feira (14).



Durante a operação os estabelecimentos fiscalizados não apresentaram documentos de comprovação de origem ou nota fiscal de entrada das suas mercadorias, nem notas fiscais de vendas.

Além de joias de ouro, foram encontrados nos locais, pedras preciosas, diamantes, cheques e dinheiro em espécie. A Receita Federal reteve as joias, colocando-as, posteriormente, sob custódia da Caixa Econômica Federal.

Ao verificar indícios de outros crimes, a fiscalização acionou a Polícia Federal, que imediatamente, compareceu ao local e apreendeu os documentos e o dinheiro encontrados, bem como conduziu para a delegacia um suspeito.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.