Publicidade
Manaus
Manaus

Ouvidoria acelera instalação do Departamento de Defesa do Consumidor

Estrutura física e espaços para atendimento já foram definidos 12/08/2013 às 12:48
Show 1
Adequação dos espaços para receber o Departamento de Defesa do Consumidor já começou
acritica.com * ---

A Ouvidoria e Proteção ao Consumidor está completando o processo de implantação do Departamento de Defesa do Consumidor, criada no último dia 31 de julho pela reforma administrativa do município. A estrutura física e os espaços para o atendimento ao público já foram definidos e após o término da afixação de placas indicativas de cada ambiente, vão receber as mobílias específica de cada atividade. O Departamento vai funcionar em salas anexas à Ouvidoria, que hoje, 12, afixou um painel de 4,36 m x 2,40 m para facilitar a delimitação entre as salas de atendimento, intensificando a mensagem do canal direto entre a população e a Prefeitura de Manaus. O próximo passo é trabalhar para a instalação do novo número de contato do órgão, o 162.

“Nossa meta é inaugurar a Defesa do Consumidor ainda este mês e, para isso, estamos mantendo um ritmo acelerado no cumprimento do nosso cronograma de trabalho”, destaca o ouvidor Alessandro Cohen.

O ouvidor participa nesta sexta-feira, 16, de reunião com Amaury Martins de Oliva, do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor, da Secretaria Nacional do Consumidor/Ministério da Justiça, a fim conhecer a estrutura e os serviços prestados pelo órgão. A troca de conhecimentos auxiliará não apenas na implantação do Departamento de Defesa do Consumidor, mas também do Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec) em Manaus. Este programa permite o registro dos atendimentos individuais dos consumidores, acompanhamento do processo e a elaboração de cadastros estaduais e nacional de reclamações fundamentadas. Atualmente, o Sindec trabalha com informações de mais de 170 departamentos relacionados ao consumidor em 25 unidades da federação.

“Essa nova etapa do trabalho da Ouvidoria é de suma importância para a população. Com a Defesa do Consumidor, vamos poder atuar junto às empresas da capital, promovendo reuniões conciliatórias. Também vamos firmar parcerias e acompanhar as fiscalizações na cidade, por meio da Anvisa e do Implurb, por exemplo, avançando na mudança de conceito entre consumidor e prestador de serviço, para que o respeito mútuo seja a tônica dessa relação”, enfatizou Cohen. A Anvisa trabalha com a saúde sanitária e o Implurb, com a ordem social e planejamento urbano.

(*) Com informações da Semcom

Publicidade
Publicidade