Publicidade
Manaus
EDUCAÇÃO

Pais de alunos denunciam falta de professores em escolas municipais e CMEI

Semed informou que os professores já foram lotados nesta semana e estão em fase de conclusão de documentação para se apresentarem na escola até sexta-feira (10), a fim de que as aulas iniciem na próxima segunda-feira (13) 09/02/2017 às 05:00
Show magalh es
Foto: Reprodução/Internet
Mayrlla Motta Manaus (AM)

Apesar das aulas da Rede Municipal de Ensino terem iniciado na última segunda-feira (06), alunos do 1º ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal Dr. Raimundo Nonato Magalhães Cordeiro, localizada na Rua Aurélio Pinheiro, s/nº - Mutirão, Conj. Amazonino Mendes, Novo Aleixo, Zona Leste, estão sem aula por falta de professor. 

De acordo com a industriária Katiuscia Morais, 37, mãe da aluna Iasmim Rafaelly, de cinco anos, a escola informou que não há previsão para começar as aulas para a turma na qual a filha está matriculada. “A escola disse apenas que a Secretaria [Municipal de Educação – Semed] não enviou os professores para a unidade. Eles deram um número para os pais ficarem ligando para ter a informação de quando vai ter aula”, disse.

A mãe considera essa situação uma falta de respeito com os pais e as crianças. Para ela, uma semana sem aula causa um grande impacto na vida escolar de uma criança. “Todos os anos são feitos estudos sobre a demanda de estudantes, logo sabem a quantidade de professores que vão precisar. Ao iniciar as aulas esses professores já deveriam estar alocados nas escolas. Aí as crianças perdem o ano letivo e acabam por não ter o ensino necessário”, completou Morais.         

A reportagem entrou em contato com a escola através dos números 3644-4982 e 98842-7679, os mesmos informados pela unidade aos pais, para saber quando haverá aula e foi informada de que a situação procede e que nesta quinta-feira (9) terá uma posição sobre o caso. 

Mais crianças prejudicadas

No CMEI Profª Renata Holanda de Souza Gonçalves, localizado na Rua H, s/nº, Comunidade Bairro Novo, bairro Jorge Teixeira, na zona Leste, a história se repete. Segundo a mãe de uma criança matriculada no 1º período, Lúcia Moreira, também não há previsão para o início das aulas do filho  também por falta de professor.

"Isso atrapalha o rendimento escolar das crianças, assim como o convívio que elas desenvolveriam nessa fase importante de ínicio das aulas. O que não vai ter se continuar sem professor", disse. 

Resposta Semed
A Secretaria Municipal de Educação (Semed) informou por meio de nota que "o professor do 1° ano vespertino da Escola Municipal Raimundo Nonato Magalhães Cordeiro e do 1° período do Cmei Renata Holanda de Souza Gonçalves já foram lotados nesta semana e estão em fase de conclusão de documentação para se apresentar na escola até sexta-feira (10) a fim de que as aulas iniciem a partir da próxima segunda-feira (13). A Semed comunica, ainda, que não haverá prejuízo quanto ao conteúdo pedagógico, pois as aulas serão repostas", informou. 

Publicidade
Publicidade