Publicidade
Manaus
Manaus

Pais fazem filas para tentar garantir vagas de filhos em escolas públicas de Manaus

Tem gente na fila desde sábado para tentar uma vaga nesta terça-feira (20), na rede pública de ensino no primeiro dia de matrícula na capital 20/01/2015 às 10:05
Show 1
Madrasta tentando vaga para enteada não admite que se enganou na data e discute com a gestora da Escola Municipal São Pedro, no bairro Compensa
nelson brilhante Manaus (AM)

Não adiantou Estado e Prefeitura informatizarem o sistema de matrícula. A família dos primos Edgar Magalhães, 12, e Geisiane Nogueira, 15, está se revezando desde sábado numa fila para matricular os dois, na manhã desta terça-feira (20), na Escola Municipal Governador Danilo de Mattos Areosa, no bairro Grande Vitória, Zona Leste. A “febre” das filas se espalhou por quase todos os mais de 600 postos de atendimento da rede pública de ensino espalhados por Manaus. Tanto a secretaria estadual quanto a municipal de Educação alardearam que as matrículas podem ser feitas pela internet e em qualquer dos postos, mas ninguém confia na informação.

“No ano passado eu confiei e meu filho ficou sem estudar. Este ano vim de madrugada porque não quero que aconteça de novo”, argumentou uma mãe de aluno, da Escola Municipal Ministro Mário D. Andreazza, bairro Compensa, zona Oeste, que não quis se identificar.

Na semana passada houve atendimento interno, tais como as transferências. Ontem houve o atendimento específico para matrículas em escolas municipais de Educação Infantil, isto é, alunos novos.

“No ano passado eu madruguei nessa mesma escola para conseguir o maternal para minha filha. Como o prédio da creche estava caindo, as crianças foram transferidas para a escola Antônio Alves que, por não ser creche, só matricula a partir de quatro anos. Agora, vim de novo tentar uma das poucas vagas que tem. Só consegui porque vim de madrugada”, justifica a doméstica Ludiene Castro, 32, moradora do bairro Aleixo, Zona Centro-Sul, ao sair da Escola Estadual José Bentes Monteiro, que recebe 1.075 alunos.

Nesta segunda-feira (19) só foram matriculados alunos novatos no sistema.

Embora tanto a Seduc quanto a Semed tenham massificado a informação sobre as datas para cada situação, ainda teve gente que errou o dia e, depois de uma noite na fila, “perdeu a linha”, colocando a culpa na gestora. O caso aconteceu na Escola Municipal São Pedro, no bairro Compensa, envolvendo a madrasta de uma aluna e a gestora. “Eu vim sexta-feira e a gestora mandou eu voltar hoje (segunda) para matricular minha enteada, que é de outro município e ela acabou de me dizer que não vai matricular. Toda vez que a gente vem resolver um problema aqui a gente é tratado com ignorância”, esbravejou a doméstica Francinalda Pontes de Macêdo. “Não houve informação errada. Ela é que confundiu. Hoje é somente para alunos da Educação Infantil”, defende-se a gestora Patrícia Cerquinho.

Assalto na fila

Por volta das 22h de domingo, vários pais e responsáveis foram assaltados em plena fila, ao lado da Escola Estadual João Bosco, na Compensa. “Um cara magrinho, parecia adolescente, apontou o revólver pra gente e levou uns aparelhos de celular”, disse a doméstica Estela Jesus da Silva.

Como poucas

Não por acaso, o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Humberto de Alencar Castelo Branco, no Parque 10, Zona Centro-Sul, era uma das poucas escolas onde não havia fila no primeiro dia de matrícula. “Nós fizemos um trabalho de conscientização na comunidade para que os pais dos alunos de 4 e 5 anos, alunos novos na rede que eles já fizessem o cadastro pela internet e isso facilitou muito o procedimento da matrícula. Quando eles vêm à escola e a gente digita o nome da criança, já aparecem todos os dados e é só imprimir a cartinha de confirmação”, esclarece a gestora Anadina Pinheiro da Costa.

Serviço

Desta terça até quinta-feira serão matriculados alunos do Ensino Fundamental, 1º e 2º ano; O restante, do Ensino Fundamental e EJSA do 3º ao 9º ano, devem se matricular de amanhã a quinta-feira; Ensino Médio e EJA/Ensino Médio, quinta-feira.

Publicidade
Publicidade