Publicidade
Manaus
Manaus

Pessoas comuns e grupos de amigos movimentam doação de brinquedos em Manaus

De maneiras diferentes, pessoas comuns e grupos independentes se movimentam em prol de um único objetivo no Dia das Crianças: fazer um pequeno sorrir  09/10/2014 às 16:41
Show 1
A primeira atividade do Projeto Tchibum surgiu no Hospital e Pronto Socorro Infantil da Zona Oeste, onde os voluntários se vestem de palhaço e animam a tarde das crianças internadas
Gabriele Bessa e Jéssica Vasconcelos Manaus (AM)

Tendo em vista inúmeros fatores que contribuem para um mundo atribulado, o ato de doar pode parecer para alguns apenas mais um gesto de solidariedade, mas para outros esta iniciativa pode ser transformada em sonhos realizados ou, simplesmente, esperanças renovadas para um futuro melhor.

Pensando na ideia de "um mundo mais justo", muitas pessoas comuns e grupos independentes resolveram trabalhar em prol do amor e da alegria, realizando trabalhos voluntários, que são feitos no decorrer do ano e, mais especificamente, no Dia das Crianças, comemorado no próximo domingo (12).

Já conhecido por muitos, o Projeto Tchibum, coordenado por Mariana Leite, Érica Siqueira, Bárbara Figliuolo, Alinne Less, Luiz Simas e Livia Pinheiro, preparou uma programação que será realizada no próximo dia 11 de outubro, na rua 7, 243, Nova Cidade (em frente ao Terminal 4). Na ocasião, será realizada uma tarde repleta de brincadeiras, música, desenho e pintura, além de distribuição de lanche e brinquedos.

São esperadas para a festa, que terá como tema "Qual o seu sonho?", aproximadamente 700 crianças. De acordo com os organizadores do projeto, o objetivo do evento é estimular as crianças a buscarem seus sonhos todos os dias, sem desistir, independente das dificuldades.  

Na ativa desde 2010, o Tchibum faz questão de ressaltar que não possui nenhuma ligação política ou religiosa e que o trabalho é feito completamente de maneira voluntária, com fundos econômicos independentes.

“Ser voluntária do Tchibum é muito mais que doar meu tempo em prol de outra pessoa, é aprender a cada dia que um sorriso e um abraço podem mudar meu dia. Minha recompensa não é financeira, é sentimental”, destaca Érica Siqueira, responsável pela Coordenação de Atividades Hospitalares e Comunicação do projeto.

Os interessados em participar da ação, com doações ou qualquer tipo de ajuda, podem entrar em contato pelos números de telefones: (92) 9118-0367 (Alinne Lessa), 8136-6821 (Érica Siqueira) ou 8203-3086 (Mariana Leite). Para outras informações, acesse a página oficial ou envie um email no endereço contato@projetotchibum.com.br.

Coração de ouro

“Se for para roubar algo de alguém, que seja um sorriso”. Com essa frase como lema a recepcionista Cristina Bahia há oito anos se dedica a arrancar sorrisos no Dia das Crianças.


Por iniciativa própria e sem divulgar para as pessoas o que faz, a recepcionista compra brinquedos e vai para alguns bairros carentes entregar bola, bonecas, carinhos e principalmente carinho, porém esse ano a doação não será tão grande quanto nos anos anteriores. De acordo com Cristina, por estar desempregada o número de brinquedos doados vai ser muito menor, mas nem por isso a iniciativa será feita com menos amor.

No ano passado Cristina foi para o bairro Terra Nova, na Zona Norte, de ônibus, e contando apenas com a ajuda dos dois sobrinhos distribuir os brinquedos que começou a comprar no início do ano. “Espero o ano inteiro por esse momento e meu maior presente é ver o brilho no olhar de uma criança que só ganhará aquele presente”, disse.

A recepcionista explica que não costuma pedir doações porque sabe que muitas pessoas não acreditam nessas iniciativas por já terem sido enganadas ou simplesmente preferirem ajudar de outra forma. Apesar da iniciativa solitária Cristina incentiva a todos a experimentarem a sensação de dever cumprido. “Quem doa dinheiro ou manda por terceiros faz sua parte, mas quem puder experimentar a sensação de ver o sorriso sincero de uma criança pessoalmente vai perceber que é muito melhor e nunca mais vai deixar de fazer”, disse Cristina.

Outra iniciativa que pretende alegrar a criançada na próxima semana é do time de futebol Unidos da Área Verde, do bairro Cidade Nova, Zona Norte.

Segundo um dos diretores do time, Mário César, as 40 pessoas envolvidas estão desde junho arrecadando e realizando atividades para angariar além de brinquedos, roupas, fraldas e alimentos para serem distribuídos no dia 12 no abrigo Moacyr Alves e no próprio bairro. “Nós conseguimos bastantes doações, mas sempre queremos poder ajudar mais”, disse Mário .

Como todos os anos, o Dia das Crianças ainda não passou e o grupo de jogadores já pensar em arrecadar mais coisas para fazer uma grande festa no Natal, em dezembro.

Uma ação entre amigos

Os “Amigos do Bem” também estão fazendo a parte deles para alegrar a crianças no próximo dia 12. Uma ideia amadurecida durante um ano fez com que o jornalista Alirio Lucas e mais três amigos iniciasse a campanha de arerecadação de brinquedos e roupas para o Lar da Dona Val.


De acordo com Alirio, os amigos foram até o local, que atende 63 crianças, e decidiram que a primeira ação do grupo, nascido no whatsapp, seria lá. “Temos agendado e repassado para todos os nossos amigos sobre a campanha. Temos brinquedos, alguns mantimentos e durante esta semana, que será a reta final, vamos recolher na própria casa das pessoas que querem ajudar, as doações”, disse Alirio.


Publicidade
Publicidade