Publicidade
Manaus
Manaus

Pintor é executado enquanto esperava Kombi lotação no bairro Tarumã, em Manaus

A esposa da vítima disse que viu um homem sair de um carro, passar por trás de todos que esperavam por uma lotação e depois atirar duas vezes na cabeça do seu marido 23/02/2015 às 12:24
Show 1
O pintor (na foto) foi atingido pelas costas e morreu após receber dois tiros na cabeça. O caso parece muito uma execução, mas a esposa da vítima diz não ter motivação
Fábio Oliveira Manaus (AM)

Com dois tiros, o pintor Joceni Vieira Meireles, de 27 anos, foi executado à queima-roupa na tarde de domingo (22), próximo ao ramal do Bancreva, no bairro Tarumã-Açu, Zona Oeste de Manaus.

A esposa da vítima, Maria de Fátima, contou que ela e o marido esperavam uma Kombi lotação para retornar à zona urbana da cidade, quando um homem saiu de um veículo vermelho, passou por trás de todos que esperavam o transporte alternativo e atirou pelas costas de Joceni.

Dois tiros acertaram a cabeça do pintor. "Um carro parou e saiu um homem. Até pensei que ele ia pegar a lotação também, mas ele deu a volta por trás de todos e atingiu meu esposo, tudo por trás", disse a mulher, sem saber a motivação do crime.

Ela informou, ainda, que Joceni não estava sendo ameaçado de morte e não era usuário de drogas. O caso será investigado na Delegacia Especializada em Homicídios e Seuqestros (DEHS).

Publicidade
Publicidade