Sexta-feira, 30 de Outubro de 2020
HAPVIDA

Plano de saúde da Seduc no interior do AM; veja como vai funcionar

Com onze cidades polo, veja o que cada município vai oferecer para os cerca de 15 mil servidores da Educação beneficiados com a medida do Governo do Estado



EXAME_EC51526D-5766-4B73-B6D5-0F99FAD3FBC8.jpg
28/08/2020 às 12:22

Com a iniciativa da Secretaria de Estado da Educação de oferecer de exames e consultas médicas do sistema Hapvida aos servidores que moram no interior do Estado, onze municípios polo estarão oferecendo os serviços, atendendo um total de 15,2 mil servidores.

As cidades polo serão Carauari, Humaitá, Tabatinga, Coari, Tefé, Parintins, Manacapuru, Itacoatiara, São Gabriel da Cachoeira, Boca do Acre e Borba.



Veja como vai funcionar o serviço em cada município:

O polo de Carauari  ofertará clínica médica, pediatria, ginecologia, obstetrícia, laboratório e raio-X para profissionais também de Eirunepé, Itamarati, Ipixuna, Envira e Guajará, totalizando 1,2 mil beneficiados.

O polo de Humaitá oferecerá serviços de clínica médica, pediatria, ginecologia, obstetrícia, laboratório e raio-X para 1,5 mil servidores de Apuí, Manicoré, Lábrea, Canutama e Tapauá, além do próprio município.

Com os mesmos atendimentos de Carauari e Humaitá, o polo de Tabatinga alcançará 1,8 mil profissionais de Santo Antônio do Içá, Jutaí, Fonte Boa, Atalaia do Norte, São Paulo de Olivença, Tonantins, Benjamin Constant e Amaturá, assim como de Tabatinga.

Coari e Tefé funcionarão como cidades polo para servidores de Codajás, Alvarães, Uarini, Japurá, Maraã e Juruá, totalizando 2,1 mil servidores. Enquanto Coari ofertará serviços de clínica médica, pediatria, laboratório e raio-X, Tefé terá o acréscimo de ginecologia e obstetrícia.

Baixo Amazonas

 O polo de Parintins ofertará atendimentos em clínica médica, pediatria, ginecologia, obstetrícia, laboratório e raio-X para profissionais também de Nhamundá, Barreirinha, Boa Vista do Ramos e Maués, totalizando 2,1 mil beneficiados.

Entorno

 Manacapuru é a cidade polo que deverá ser buscada por profissionais de Anamã, Beruri, Anori, Novo Airão e Caapiranga. Totalizando 1,5 mil servidores, o município contará com clínica médica, pediatria, ginecologia, obstetrícia, ortopedia, laboratório e raio-X.

Itacoatiara servirá como cidade polo para profissionais de Itapiranga, Urucará, São Sebastião do Uatumã, Silves e Urucurituba. Ao todo, 1,2 mil servidores poderão agendar atendimentos em clínica médica, pediatria, ginecologia, obstetrícia, laboratório e raio-X.

Capital

 Manaus também será uma das cidades polo da expansão de atendimentos do Hapvida e atenderá 1,5 mil servidores de Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Careiro Castanho e da Várzea, Manaquiri, Autazes e Iranduba. A capital amazonense terá os seguintes serviços: clínica médica, pediatria, ginecologia, obstetrícia, ortopedia, laboratório e raio-X.

Teleconsultas

 As cidades polo de São Gabriel da Cachoeira, Boca do Acre e Borba funcionarão com atendimentos em teleconsulta, englobando os municípios de Santa Isabel do Rio Negro e Barcelos (São Gabriel da Cachoeira); Pauini (Boca do Acre); e Nova Olinda do Norte e Novo Aripuanã (Borba). Cerca de 1,9 mil profissionais serão beneficiados.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.