Publicidade
Manaus
EM ANO ELEITORAL

Plenário da Assembleia Legislativa do Amazonas será reformado por R$ 877 mil

Procedimento licitatório, na modalidade pregão presencial, está agendado para próxima terça (24) 21/07/2018 às 09:44 - Atualizado em 21/07/2018 às 09:47
Show ruy
Assessoria da ALE argumenta que a “reforma é oportuna pois o prédio, desde 2006, ano da inauguração, não é reformado”. Foto:Divulgação
Larissa Cavalcante Manaus (AM)

Em ano eleitoral, a reforma do plenário Ruy Araújo da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM) vai custar R$ 877 mil aos cofres públicos. A Comissão Permanente de Licitação (CPL) anunciou no início de julho a realização do procedimento licitatório na modalidade pregão presencial agendado para terça-feira (24).

Na edição do Diário Oficial Eletrônico da ALE-AM do dia 9 de julho, consta aviso público do pregão presencial, n° 30/2018, para contratação de empresa especializada em serviços de engenharia para realizar a reforma do plenário.

A licitação está marcada para próxima terça-feira, dia 24, às 9h30, na sala da CPL. No aviso, assinado pelo presidente da comissão, Ebenezer Albuquerque Bezerra, informa que para mais informações o edital do pregão está disponível aos interessados para ser enviado por e-mail. Na publicação, a CPL diz que a reforma do plenário está conforme os “termos da Lei Federal n 8.666/1993 e demais normas vigentes à matéria e pelas condições estabelecidas no Edital, Projeto Básico e seus anexos”.

De acordo com funcionário da Casa, em dias de chuvas forte surgem goteiras dentro do plenário que poderiam causar um curto circuito. “Inclusive, a goteira fica na direção da cadeira de um deputado. Tem cadeiras, inclusive, da mesa diretora que estão quebradas”, disse um servidor que preferiu não se identificar, por temer represálias.

Reparos no telhado

A Diretoria de Comunicação da ALE-AM informou, por meio de nota, que a reforma é oportuna, uma vez que o prédio, onde está localizado o plenário, já tem 12 anos e desde sua inauguração, em 2006, não recebeu nenhuma intervenção. “O valor da obra está estimado em R$ 877 mil, de acordo com o projeto básico. Serão realizados reparos na parte elétrica, iluminação e no telhado. O valor está previsto no orçamento da Casa”, diz trecho da nota.

A pasta esclareceu que o valor da obra está previsto no orçamento da Casa e que não há uma data prevista para o início da obra. “(A obra) só começará após o término do certame licitatório”. O setor não divulgou o cronograma da obra e não respondeu se a reforma será realizada durante o recesso parlamentar e o horário de execução das intervenções.

Modernização 

Em meados de maio deste ano, o presidente da ALE-AM, David Almeida (PSB) afirmou durante pronunciamento que estava em andamento o processo licitatório para “modernização do Parlamento Estadual”. Na tribuna, o deputado disse que a situação orçamentária do parlamento é positiva e que a reforma vai além de questões estruturais com a recuperação da laje do plenário.

De acordo com o parlamentar, o prédio precisa de manutenção principalmente no plenário e também serão substituídos móveis, além da aquisição de eletrônicos como tablets e computadores.

Uso do plenário

As sessões plenárias ocorrem de terça a quinta-feira. As votações costumam acontecer às quartas-feiras. O plenário também é utilizado para realização de audiências públicas, solenidades, entrega de medalhas e títulos com a autorização da mesa diretora da Casa.

Publicidade
Publicidade