Terça-feira, 23 de Abril de 2019
publicidade
publicidade
publicidade

NOVIDADE

PM usará bicicletas para combater a criminalidade no Centro de Manaus

O projeto Ciclopatrulha tem o objetivo de estruturar o policiamento preventivo, através de bicicletas, em áreas públicas e comerciais da capital


30/08/2017 às 12:18

Visando combater o alto índice de roubos na capital, a secretária de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) lançou na manhã desta quarta-feira (30), o projeto Ciclopatrulha. Em evento realizado na Praça da Polícia, no Centro de Manaus, 60 bicicletas e acessórios  operacionais para ampliação foram entregues a Polícia Militar.

O projeto tem o objetivo de estruturar o policiamento preventivo, através de bicicletas, em áreas públicas e comerciais para redução dos índices de criminalidade e melhoria para segurança da população. O Ciclopatrulha é resultado de uma parceria entre a Secretária de planejamento com a empresa CALOI.

De acordo com o coordenador do projeto, o primeiro tenente da Polícia Militar, Roberto Vieira, os policiais militares devem passar por um treinamento para posteriormente, atuação. "Os policias devem antes de tudo passar por exames de aptidão física e depois pela capacitação que será fundamental para atuação deles no projeto”, declarou.

Para o Centro da capital, o Ciclopatrulhamento ocorrerá nos pontos turísticos como o Teatro Amazonas, Palácio da Justiça e as principais praças públicas, como Praça da Saudade, Praça do Congresso, Praça São Sebastião.

O policiamento de bicicletas em locais públicos e de grande circulação de pessoas visa coibir a prática de delitos de forma rápida, em especial furtos e roubos.

publicidade
publicidade
Governo do Amazonas decreta ponto facultativo nesta quinta-feira (18)
Produção de bicicletas em Manaus tem melhor trimestre desde 2015
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.