Sábado, 14 de Dezembro de 2019
Manaus

Polícia apreende quase três toneladas de pescado protegido pelo defeso no AM

O Batalhão Ambiental recebeu denúncias e apreendeu duas embarcações que vinham dos municípios de Tefé e Codajás para Manaus



1.jpg Batalhão Ambiental apreendeu quase três toneladas de pescado protegido pelo defeso
25/01/2014 às 15:21

Aproximadamente três toneladas de pescados foram apreendidas na madrugada deste sábado (25), por uma equipe do Batalhão Ambiental. A apreensão ocorreu no rio Negro entre os municípios de Manacapuru e Iranduba (região metropolitana), nas embarcações: Maresia II e Novo Zé Alberto.

Cristian Marcelo Alves, 44, e Marinaldo Brito de Bastos, 31, que comandavam as embarcações, foram conduzidos ao 10º Distrito integrado de Polícia (DIP) e autuados em flagrante por transporte ilegal e comercialização de pescado em período de defeso, no entanto segundo o sargento responsável pela operação, identificado como Andrade, a dupla pode pagar fiança para responder em liberdade.



Os peixes vinham dos municípios de Tefé e Codajás (distante 525 e 240 quilômetros respectivamente de Manaus). Pacus, sardinhas, aruanãs, pirarucus e tambaquis estavam armazenados em oito caixotes, que segundo policiais que participaram da ação, são espécies inclusas no período do defeso (período em que as atividades de caça, coleta e pesca esportivas e comerciais ficam vetadas ou controladas) e são protegidas por lei.

A operação teve início às 18h de sexta-feira(24) e foi finalizada às 15h com a doação do pescado a três instituições de caridade, uma dela foi a Janell Doyle que abriga crianças em situação de risco social.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.