Terça-feira, 23 de Abril de 2019
publicidade
Bares_Interdi__o_Centro_-_Semmas_1_AB9A6D63-569A-419C-844D-1A2A851CDCAA.jpeg
publicidade
publicidade

OPERAÇÃO HARPÓCRATES

Polícia Civil fecha oito bares em Manaus por falta de licenciamento ambiental e som

Entre eles estão os bares situados na Rua Simon Bolívar, ao lado da Praça da Saudade, no Centro. Um deles, inclusive, funcionava com uma licença sanitária falsa


16/03/2019 às 14:11

A Polícia Civil deflagrou a quarta fase da operação “Harpócrates”, na noite dessa sexta-feira (15), por volta de 21h, nas zonas Sul e Centro-Sul de Manaus e interditou oito bares por falta de licenciamento ambiental de funcionamento de som. Entre eles estão os bares situados na Rua Simon Bolívar, ao lado da Praça da Saudade, no Centro. Um deles, inclusive, funcionava com uma licença sanitária falsa.

A ação foi coordenada pela Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente e Urbanismo (Dema) com apoio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), policiais militares do Batalhão de Policiamento Ambiental do Amazonas e peritos do Instituto de Criminalística (IC).

De acordo com a delegada Carla Biaggi, titular da especializada, as equipes interditaram os estabelecimentos comerciais e a aparelhagem de som foi recolhida pela Semmas, por ausência de licença municipal. A fiscalização apreendeu duas caixas de som pertencentes a dois bares e mais de 300 conjuntos de cadeiras e mesas que estavam espalhados pela rua Simo Bolívar e calçada. Biaggi destacou o intuito da ação.

“O objetivo da operação foi fiscalizar estabelecimentos comerciais, após o recebimento de denúncias anônimas delatando situações de poluição sonora em bares na região e requisição do Ministério Público do Estado do Amazonas”, explicou a titular da Dema.

Operação Harpócrates

Carla Biaggi explicou que o nome da operação faz referência ao deus da mitologia grega Harpócrates, conhecido como o “Deus do Silêncio”.

A titular da Dema informou que serão instaurados Inquéritos Policiais (IPs) acerca das irregularidades encontradas nos estabelecimentos e que os proprietários dos bares onde foram identificadas as violações estarão sujeitos a infrações administrativas, multas e Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs).

publicidade
publicidade
Câmara Municipal deve criar comissão para defender Zona Franca de Manaus
Prefeitura começa a demolir imóveis para obras na avenida Constantino Nery
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.