Domingo, 25 de Agosto de 2019
SEM CASA

Cerca de 700 famílias são retiradas de área no Tarumã durante reintegração

As famílias ocupavam uma área no Ramal do Bancrevea, às margens da Estrada da Vivenda Verde, no Tarumã, e foram despejadas na manhã desta terça-feira (13)



jdijaija_40D888C8-B8A6-4564-8AD1-16DDEC8441B9.JPG Foto: Jair Araújo
13/08/2019 às 12:30

Cerca de 700 famílias que ocupavam uma área no Ramal do Bancrevea, às margens da Estrada da Vivenda Verde, no Tarumã, Zona Oeste de Manaus, foram despejadas após o cumprimento de um mandado de desocupação e demolição executado na manhã de hoje  (13), por volta das 6h. A ação foi realizada por policiais militares, após a decisão judicial expedida pelo juiz Diógenes Vidal Neto, da 19° Vara Cível e de Acidente de Trabalho do AM, determinar a reintegração de posse.

Segundo moradores que não preferiram não se identificar, o terreno foi cedido informalmente  pelo proprietário conhecido como Abrahim Anselmo em julho deste ano. No entanto, foi permitida, informalmente, a permanência das pessoas no local. 

"Não fomos avisados desta vez. Chegaram, esperaram que a gente se retirasse e começaram a derrubar as casas", afirmou um dos moradores.

Uma oficial de justiça que esteve presente no local afirmou que as famílias foram notificadas da ação na última quinta-feira (8), e informadas que  deveriam desocupar o terreno até domingo. "Avisamos que, a partir de segunda-feira, não haveria tempos de retirar qualquer pertence".

Presentes na operação, equipes da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (ROCAM), do Grupamento Marte e da Cavalaria e do Canil deixaram a área por volta das 11h30.

Receba Novidades

* campo obrigatório
Repórter freelancer de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.