Publicidade
Manaus
Manaus

Polícia prende irmãos envolvidos em morte de amigo de infância por causa perfume, em Manaus

Vítima tentou vender, pelo valor de R$ 35, um vidro de perfume para “Juca”, que recusou e ofereceu apenas R$ 20. Os dois se desentenderam, entraram em luta corporal e, logo depois, vítima foi alvejada e morta 23/09/2014 às 21:16
Show 1
Irmãos foram presos em cumprimento de mandado de prisão
JHONNY LIMA ---

Os irmãos Juarez Minguim Sena, 35, o “Juca”, e Jackson Minguim Sena, 25, o “Gugu”, foram presos nesta segunda-feira (23), em Manaus, durante cumprimento a mandado de prisão, por envolvimento na morte do amigo de infância deles, Weuber França da Silva, 33, o “Elbinho”, no dia 31 de maio do ano passado. Durante a prisão, foram encontrados com eles drogas, armas, munições e dinheiro.

A prisão foi efetuada na casa deles, na rua Rui Barbosa, Compensa 2, Zona Oeste, por policiais civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). De acordo com a delegada adjunta da DEHS, Débora Mafra, “Juca” matou “Elbinho” com três tiros após uma briga por causa da venda de um perfume; e “Gugu”, por sua vez, ajudou o irmão a fugir.

No dia do crime, “Elbinho” saiu de casa para comprar um lanche para a filha. No trajeto, ele tentou vender, pelo valor de R$ 35, um vidro de perfume para “Juca”, que recusou e ofereceu apenas R$ 20. Os dois se desentenderam, entraram em luta corporal e, logo depois, “Juca” atirou contra a vítima, que morreu no local. “Gugu” ajudou durante a fuga.

Cumprimento

Durante a prisão dos dois irmãos, a polícia encontrou na casa deles uma pistola 380 com 15 munições intactas, um revólver calibre 38 com cinco munições e mais oito munições de PT.40, além de duas balanças de precisão, três porções grandes de cocaína, seis porções de oxi, celulares, joias, um carro Pálio dourado de placas JWX-9439, uma moto Bross vermelha de placa NPA-8166 e uma quantia de R$ 7.916.

Além dos mandados de prisão pelo homicídio, “Juca” e “Gugu” também foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, apetrechos, porte e posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. Os dois serão conduzidos à Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa, no Centro de Manaus, onde ficarão à disposição da Justiça.

Publicidade
Publicidade