Domingo, 05 de Julho de 2020
Manaus

Polícia prende quinto suspeito de participar de homicídio no bairro Redenção, em Manaus

Vítima e esposa foram alvejadas quando estavam em casa, no dia 30 de julho. Crime teria sido motivado por dívida de R$ 900 com traficante “Japa”



1.gif Felipe de Souza Amazonas agiu no crime como um "olheiro", dando cobertura
13/10/2014 às 16:31

Felipe de Souza Amazonas, 18, foi preso pela Polícia Civil suspeito de participar de um homicídio ocorrido no dia 30 de julho deste ano no bairro Redenção, na Zona Centro-Oeste de Manaus. Ele é a quinta pessoa a ser capturada como suspeita de participar da morte de Mateus da Silva Costa, 35, que foi alvejado. A polícia procura pelo sexto envolvido.

Investigadores da Delegacia de Homicídios (DEHS) prenderam Felipe na rua Ágape, bairro Redenção, em cumprimento de mandado de prisão, na última sexta (10). O crime foi motivado por dívidas com tráfico de drogas e, na ocasião, o grupo ainda tentou matar a esposa de Mateus, a professora Josilane Aparecida Carnave Ferreira, 30, que sobreviveu.



O assassinato de Mateus, e a tentativa de homicídio contra Josilane, aconteceu na residência do casal, na rua 25 de Dezembro, também na Redenção. Já foram capturados pelo envolvimento no crime Jhonison Monteiro da Silva, 19, o “Japa”, Eliésio Machado Albano, 18, Jorge William Souza de Oliveira, 19, o “Neguinho”, e um adolescente de 17 anos.

“Esse rapaz é a quarta pessoa presa, dentre os seis envolvidos, e mais um adolescente de 17 anos que está apreendido. Todos negaram a participação no delito. Porém, as investigações realizadas pela delegacia, apontam a participação efetiva de todos eles no homicídio”, declarou o delegado Paulo Martins, titular da DEHS.

Segundo a polícia, Felipe agiu no crime como um “olheiro” de Jhonison, o “Japa”, que é apontado como um dos principais líderes do tráfico na Redenção e mandante do crime. Conforme a delegada Débora Mafra, Mateus foi morto porque matinha uma dívida de R$ 900 com “Japa”, que arquitetou tudo e chamou mais cinco parceiros para ajudá-lo.

Felipe responderá judicialmente pelo homicídio de Mateus e pela tentativa de homicídio contra Josilane. Ele será encaminhado à Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa. A sobrevivente, Josilane, permanece internada no Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto, em Manaus. O sexto suspeito do crime ainda está sendo investigado pelos policiais da DEHS.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.