Domingo, 24 de Outubro de 2021
NEGOCIAÇÃO

Policiais civis aguardam reunião com o Governo para discutir possível paralisação

Encontro entre a categoria e o governador Amazonino Mendes foi remarcado para segunda-feira (26). Policiais brigam por reestruturação de cargos de investigadores e escrivães da instituição



show_Pol_cia_Civil.jpg (Foto: Arquivo AC)
23/03/2018 às 17:01

O encontro que ocorreria nesta sexta-feira (23) entre o Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol-AM) e o Governo do Amazonas para tratar sobre uma possível paralisação foi remarcado para segunda-feira (26), informou o presidente do sindicato, Moacir Maia. As profissionais esperam receber uma contraproposta do governador Amazonino Mendes para as reivindicações. 

De acordo com Maia, é esperada uma negociação "amigável". Entre os pedidos, o Sinpol briga pela reestruturação de cargos de investigadores e escrivães da instituição. 



A categoria aguarda o encontro de segunda-feira para analisar a resposta do governo. Caso haja rejeição da maioria, eles afirmam que darão início à paralisação

"Nos encontraríamos hoje (sexta), mas fomos informados de que o Governo trabalha em cima de uma proposta para nossas argumentações. O encontro agora fica para segunda, esperamos que seja uma negociação, uma conversa amigável. Se, de lá, não tivermos notícias positivas, nós entraremos em movimentação de paralisar as atividades", afirmou o presidente Moacir Maia.

O Sinpol informou que o horário da reunião ainda não foi definido. 


Mais de Acritica.com

23 Out
plantacao_de_satelite_001_FC7D87B9-5873-48B7-A680-276E09E7E37D.jpg

Geotecnologia apoia investigações sobre crime organizado

23/10/2021 às 19:26

O Programa Brasil M.A.I.S (Meio Ambiente Integrado e Seguro) recebeu investimento de R$ 50 milhões em recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública está sendo usada pelas secretarias de segurança pública de Amazonas, outros 14 estados e do Distrito Federal


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.