Publicidade
Manaus
Manaus

Policiais são presos após descumprirem ordens de superior

Esposa teria chamado a viatura que o marido estava para averiguar uma tentativa de roubo na casa 06/09/2013 às 18:42
Show 1
Esposa do soldado teria chamado o marido para averiguar uma tentativa de roubo na casa
OSWALDO NETO Manaus (AM)

Três policiais da 21ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), localizada no bairro Vila da Prata, Zona Oeste de Manaus, foram presos na manhã desta sexta-feira (6). Os soldados D. Almeida, William e Henrique Santos teriam ido atender uma ocorrência de roubo na casa da esposa do último. O aspirante oficial que conduz a Cicom, SA Wisley Souza, não teria permitido a ação.

Segundo a esposa do soldado, Roziete Alves, 25, por volta de 0h30 desta sexta-feira (6) um indivíduo tentou arrombar o portão de sua casa, localizada na rua Comendador J. G. Araújo, Santo Antônio, Zona Oeste de Manaus. A mulher estava com os dois filhos, um de cinco anos e outro de cinco meses quando ouviu ruídos na entrada. Imediatamente ela ligou para o marido que estava de plantão em uma viatura, número 6304, o qual pediu permissão ao comandante da Cicom para averiguar o caso com os dois colegas.

Após terem o pedido negado, o comandante da Cicom teria escalado uma viatura da área para cobrir a ocorrência, porém a mesma não encontrava o endereço. Os policiais da viatura 6304 acabaram chegando primeiro a casa da vítima e apurado o caso.

Prisão

Os policiais foram avisados que por descumprirem as regras, seriam levados à Corregedoria da SSP para dar mais esclarecimentos. No local receberam voz de prisão e foram encaminhados ao Batalhão de Guarda, localizado na avenida Monsenhor Pinto, bairro Monte das Oliveiras, Zona Norte de Manaus, onde segundo a esposa de Henrique, ficarão detidos até segunda-feira (9).

Em nota, a Corregedoria limitou-se a informar que o flagrante dos policiais se caracteriza em abandono de posto (art. 195 CPM) e recusa de obediência da parte de insubordinação (art. 163 CPM).

Publicidade
Publicidade