Publicidade
Manaus
Manaus

Policiais se preparam para Copa com treinamento antibombas

Só em 2013, cerca 2.100 servidores do sistema de segurança pública serão capacitados em cursos como uso diferenciado da força 04/07/2013 às 13:38
Show 1
Neste treinamento ministrado para seis policiais do grupo Marte estão sendo realizadas aulas teóricas sobre gases tóxicos e substâncias explosivas
acritica.com* ---

Policiais do grupamento de Manuseio de Artefatos Explosivo (Marte), da Polícia Militar, participam nesta quinta-feira (4), durante todo o dia, de treinamento prático para utilização de equipamentos antibombas. A atividade faz parte da preparação dos agentes de segurança para a Copa do Mundo de 2014.

A Secretaria de Segurança está investindo cerca de R$ 1,1 milhão nos cursos de capacitação dos policiais e o recurso é fruto de convênio firmado entre a SSP-AM e a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), do Ministério da Justiça. Só em 2013, cerca 2.100 servidores do sistema de segurança pública serão capacitados em cursos como uso diferenciado da força, tática e técnica policial militar, análise criminal, mediação de conflitos, segurança de dignitários, policiamento montado, adestrador de cães, línguas estrangeiras (inglês e espanhol) e libras, no nível básico.

Neste treinamento ministrado para seis policiais do grupo Marte estão sendo realizadas aulas teóricas  sobre gases tóxicos e substâncias explosivas. Este ano já foram ministrados dois cursos direcionados para essa área. Um deles é o manuseio dos desencarceradores hidráulicos (alicates hidráulicos) e almofadas pneumáticas, para uso em sinistros com pessoas presas em ferragens ou sob escombros.

Segundo o comandante do grupo Marte, tenente-coronel Allen Antônio, outros policiais já participaram em Brasília de cursos para o manuseio e utilização dos equipamentos do kit antibombas (aparelho de raio-x portátil com filme, robô antibombas de pequeno porte, sistema de tenda de contenção com gerador de espuma, braço manipulador telescópico robótico, roupa de proteção antibombas e lanterna de buscas).

“Ainda estamos aguardando a entrega de muitos equipamentos e todo o conhecimento adquirido lá, eles repassam ao restante do grupamento”, disse o comandante.

*Com informações da assessoria de imprensa da SSP

Publicidade
Publicidade