Publicidade
Manaus
Normas reabertura Ponta Negra

Ponta Negra será reaberta, mas banhistas precisam seguir normas de uso da praia

Banho só será permitido até às 17h e continua a proibição de levar comida, garrafas ou qualquer objeto de vidro ou cortantes para a praia 16/05/2013 às 11:54
Show 1
Praia volta a abrir no domingo, mas banhistas precisam seguir as normas
acritica.com * Manaus

Neste domingo, 19, a Ponta Negra reabrirá completamente aos banhistas, mas é preciso que a população fique atenta às normas de segurança e de educação no uso da praia. Uma das dicas mais importantes é, no caso de se ver um jacaré, não se aproximar do animal e avisar imediatamente o Corpo de Bombeiros ou Guarda Municipal, PM ou fiscal do Implurb.

A recomendação para o Corpo Permanente de Segurança do parque é monitorar constantemente as águas e caso seja avistado um jacaré, avaliar se sua proximidade à praia representa ameaça.

Segundo o Ibama, os animais podem ter vindo dos rios Tarumã-Mirim e Tarumã-Açu, afluentes do rio Negro, assim como podem ter nadado até 100 km do Arquipelágo de Anavilhanas até Manaus. O laudo aponta também que não existe anomalia na ocorrência de jacarés na área, e que justamente por isso a área seja monitorada com frequência. O jacaré-açu não é uma espécie caçadora de seres humanos, mas são animais extremamente inteligentes e aprendem rapidamente onde têm alimento e peixe fácil. “Em razão disso, reforçamos a orientação de que é proibido levar alimentos para a praia, para a areia e o rio, em razão da contaminação e do atrativo que a comida pode representar para os jacarés”, explica o presidente do Implurb, Roberto Moita. O instituto é o gestor do Parque Ponta Negra.

Parecer técnico do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) também orienta sobre o monitoramento da ocorrência de jacarés na praia e que apesar do medo que causam ao ser humano, no seu meio natural não chegam a ser um perigo real ao homem, como são os crocodilos, este sim perigosos. Segundo o laudo do órgão, com a reforma da Ponta Negra, que passou ter praia o ano inteiro (perene), o que não ocorria no passado, o local onde está a área praiana é ponto de passagem dos animais, que na cheia ficam mais dispersos e muitas vezes à procura de seu território, em especial os bichos mais jovens.

No caso de aparecimento de mais animais, a Gerência de Fauna do Ipaam sugere que pode ser realizada a captura dos mesmos e sua recondução a áreas mais protegidas. O Ibama indica fazer a soltura deles em água branca, como o rio Amazonas, ou encaminhá-los ao Centro de Triagem de Animais Sil vestres – Sauim Castanheira, se estiverem machucados. Para o Ibama, é importante a Prefeitura e seus órgãos atuarem na promoção de ações de educação ambiental que visem aproximar à população dos animais silvestres que habitam a região.

Recomendações

O Corpo de Segurança Permanente da Ponta Negra, antes de fazer a reabertura ao banho, no domingo, fará ronda nas águas, reforçando a presença de Bombeiros no rio, em lanchas e jet-sky. “Vamos reforçar a segurança e o monitoramento tendo em vista que os jacarés estão em seu habitat e o que deve ser evitado é que os animais se aproxime da população. Caso algum jacaré seja avistado, o Corpo de Bombeiros está autorizado pelos órgãos competentes para fazer a captura e a soltura dele em outro ponto do rio”, explica o secretário-chefe do Gabinete Militar, coronel Fernando Farias.

Segundo Farias, a população terá papel importante, respeitando as regras de uso da praia e mantendo distância de animais, caso eles apareçam.

Normas

O banho é permitido somente até às 17h e é proibido levar comida para a praia, garrafas ou qualquer objeto de vidro ou cortantes, o uso de bebidas alcoólicas por menores, e animais na areia.

(*) Com informações da Semcom




Publicidade
Publicidade