Quarta-feira, 30 de Setembro de 2020
Medida

Ponte Rio Negro não está fechada, esclarece Governo do AM

Está autorizado o trânsito de pessoas que estejam voltando pra casa, transporte de carga, serviços de saúde, segurança pública e essenciais. Medida é para conter avanço da covid-19 nos hospitais



92686085_10222408895395736_3540380347122319360_o_0DD743D0-2719-47E2-B987-88BD308C494D.jpg Foto: Euzivaldo Queiroz
09/04/2020 às 11:39

O governo do Amazonas divulgou nota nesta quarta-feira (8) onde esclarece que a ponte Jornalista Phelippe Daou (ponte Rio Negro), que interliga Manaus e Iranduba, não está fechada. A nota informa que o governo do AM, por meio do decreto nº 42.158 apenas suspendeu, no dia 6 de abril, pelo prazo de 15 dias, o transporte interestadual e intermunicipal de passageiros no estado.

"Portanto, continua permitido, na ponte e nas rodovias do estado, o trânsito de pessoas que estejam regressando ao seu domicílio de origem, bem como o transporte de cargas e de serviços de urgência e emergência em saúde, de segurança pública ou relacionado aos demais serviços públicos essenciais", diz trecho da nota.

Ontem(8), o A Crítica publicou que a pasagem pela ponte será permitida mediante autorização.

De acordo com o governo, "a ação faz parte da estratégia para conter o avanço do novo coronavirus, o decreto estipulou a suspensão do transporte intermunicipal e interestadual terrestre de pessoas em ônibus e microônibus (públicos e privados), vans e similares, táxis e transporte por aplicativo, inclusive os compartilhados e os tipo lotação".



A nota também esclarece que a fiscalização para o cumprimento do decreto é de responsabilidade da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados e Contratados do Amazonas (Arsepam), no que se refere ao transporte rodoviário intermunicipal de passageiros.

Trecho

Serviços de urgência e emergência em saúde, de segurança pública ou aos demais serviços públicos essenciais, bem como do transporte de cargas, seguem autorizados

O controle da Arsepam será feito por meio do envio de listas oficiais compostas pelos nomes dos profissionais autorizados pelas prefeituras ou suas respectivas representações. As listas devem ser enviadas ao email cadastrorodoviario@arsepam.am.gov.br.

Os autorizados também devem apresentar documento de identificação durante a abordagem. A Agência disponibiliza canais de atendimento 24h para denúncias e esclarecimentos: (92) 98408-1799 (WhatsApp e ligações).

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.