Sábado, 17 de Agosto de 2019
Manaus

Prazo para PMM adequar Plano Diretor da cidade é prorrogado por 90 dias

Os três meses devem servir para promover ampla divulgação do documento por todos os meios de comunicação para que a população tome conhecimento das novas medidas adotadas em lei



1.png Plano Diretor volta à Câmara Municipal de Manaus
03/05/2013 às 12:18

O juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública Municipal, Francisco Carlos Queiroz, deferiu nesta quinta-feira (2), o pedido feito no dia 30 de abril, pela Prefeitura de Manaus, por meio do Instituto Municipal de Ordem Social e Planejamento Urbano (Implurb), dando mais prazo para a realização de novas audiências públicas sobre a revisão do Plano Diretor Urbano Ambiental.

Os três meses devem servir para promover ampla divulgação do documento por todos os meios de comunicação para que a população tome conhecimento das novas medidas adotadas em lei.

A solicitação feita à Justiça, de dilação do prazo, já incluiu metodologia a ser seguida para o pleno funcionamento das próximas audiências, como disponibilizar nos sites da Internet todas as minutas, bem como a lei do Plano Diretor para prévia análise - o que pode ser conferido no endereço implurb.manaus.am.gov.br; todas as propostas serão encaminhadas ao Poder Executivo para análise e ajustes, e posterior envio à Câmara Municipal (CMM); as entidades representativas de classe e dos movimentos sociais deverão encaminhar suas propostas, por escrito, conforme será disciplinado em edital previamente divulgado para prévia análise do Poder Público Municipal.

Serão três novas audiências, amplamente divulgadas em todos os veículos e mídias, para massificação do texto do Plano Diretor, para dar total conhecimento da legislação antes das reuniões com as comunidades e a sociedade civil organizada. A pauta das audiências terá como base o que foi alterado e modificado nas revisões técnicas e jurídicas da minuta.

No ano passado foi determinado que o documento tivesse um prazo de seis meses para que a Prefeitura fizesse a revisão do Plano e mais seis meses para a aprovação do mesmo, pela Câmara. O prazo de análise no Implurb terminaria agora em maio, uma vez que o documento foi devolvido ao órgão em novembro de 2012. Durante o processo de revisão feito pela equipe técnica e jurídica do Implurb foram feitas mais de 350 alterações.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.