Publicidade
Manaus
MUDANÇA

Prédio do Sine-AM é fechado para reforma e atendimentos são transferidos para a Setrab

Há oito anos o espaço no Centro de Manaus não recebia reparos, o que comprometeu as redes hidráulica e elétrica 13/06/2018 às 17:07
Show setrab
Foto: Divulgação
acritica.com* Manaus (AM)

O prédio do Sistema Nacional de Empregos do Amazonas (Sine-AM), na avenida Joaquim Nabuco, Centro, fechou as portas nesta quarta-feira (13) para obras de reforma. O atendimento aos trabalhadores foi transferido para o prédio histórico da Secretaria de Estado do Trabalho (Setrab), também localizado na avenida Joaquim Nabuco, em frente ao Sine-AM.

O secretário do Trabalho, William Abreu, disse que o prédio do Sine-AM não recebia reparos há oito anos, o que causou problemas nas redes hidráulica e elétrica do prédio. O local também estava com problemas de goteiras no teto e infiltrações nas paredes.

“O Sine foi fechado para obras, pois o prédio necessita de reparos para atender com dignidade os trabalhadores”, afirmou William Abreu. “Enquanto isso, as atividades foram transferidas para o prédio da Setrab, que foi reformado para melhorar o atendimento ao público”, acrescentou.

Prédio da Setrab

Para melhorar o atendimento aos trabalhadores, o prédio da Setrab passou por reforma. O local conta agora com salas climatizadas e novo sistema de dados para facilitar o cadastro de trabalhadores que buscam emprego.

O atendimento ao público foi dividido em salas de acordo com os serviços solicitados pelos trabalhadores. No antigo Sine-AM, o atendimento era feito unificado, com todos os serviços num mesmo local.

Os trabalhadores serão atendidos em salas separadas, divididas entre os serviços de emissão de Carteira de Trabalho, cadastro para emprego, solicitação de seguro desemprego e encaminhamento para vagas de trabalho.

Sala de entrevistas

Além de mais salas e um auditório, o prédio da Setrab ganhou espaço para seleção de candidatos e entrevistas realizadas por empresas que procuram trabalhadores. O titular da Setrab explica que muitas empresas não têm espaço para entrevistar ou selecionar candidatos, por isso a secretaria disponibiliza um local para o serviço.

“O espaço é gratuito é pode ser usado por qualquer empresa parceira da Setrab. Queremos ajudar na contratação de funcionários e a diminuir o desemprego no Amazonas”, destacou William Abreu.

*Com informações da assessoria de imprensa.

Publicidade
Publicidade