Publicidade
Manaus
Manaus

Prefeitura combate comércio irregular no Centro de Manaus

Avenidas Eduardo Ribeiro e Sete de Setembro e ruas Marechal Deodoro, Marcílio Dias e Guilherme Moreira foram alvos da fiscalização. Responsáveis têm prazo legal de até cinco dias úteis para tentar resgatar produtos 20/12/2014 às 18:02
Show 1
Camelô teve 19 malas apreendidas por expor mercadorias fora da banca
ACRITICA.COM ---

 A Prefeitura de Manaus realizou neste sábado (20) uma operação com vários órgãos municipais para coibir a presença de vendedores ambulantes irregulares no Centro Histórico de Manaus. A ação envolveu as secretarias municipais de Feiras e Mercados (Sempab), do Centro (Semc), Guarda Municipal, Manaustrans e a Polícia Militar.

As avenidas Eduardo Ribeiro e Sete de Setembro e as ruas Marechal Deodoro, Marcílio Dias e Guilherme Moreira foram alvos da fiscalização.  Um camelô teve 19 malas apreendidas por estar expondo suas mercadorias fora da banca, ocupando a calçada irregularmente, o mesmo já tinha recebido 3 notificações.  

Os fiscais também apreenderam uma mochila com várias capas de celular e chips, um carrinho de supermercado com uma caixa de isopor e várias toalhas de mesa que estavam sendo comercializadas irregularmente. Todo material apreendido foi encaminhado para sede da Sempab, localizado na Rua Carvalho Paes de Andrade, nº140, São Francisco.

Os responsáveis têm um prazo legal de até 05 dias úteis para tentar resgatar seus produtos. Ao dar entrada no requerimento de devolução de material, o ambulante deve apresentar a nota fiscal da mercadoria apreendida e cópia dos documentos pessoais como: RG, CPF, Título de eleitor e comprovante de residência.


*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade