Publicidade
Manaus
Manaus

Prefeitura disponibilizará vacina contra o HPV em 171 UBSs

Vacina previne ocorrência do câncer do colo de útero. Público-alvo são meninas de 9 a 11 anos e o serviço faz parte do Calendário Nacional de de Vacinação 08/03/2015 às 22:57
Show 1
Vacina estará disponível na rotina de serviço das 171 Unidades de Saúde
ACRITICA.COM ---

A partir da próxima terça-feira (10) a vacina quadrivalente contra o HPV, que previne a ocorrência do câncer do colo de útero, estará disponível na rotina de serviço das 171 Unidades de Saúde da rede municipal que possuem sala de vacina. O público-alvo são meninas de 9 a 11 anos e o serviço faz parte do Calendário Nacional de Vacinação.

No momento da vacina não é obrigatório o acompanhamento de pais ou responsáveis, nem assinatura de termos de autorização ou recusa. A menina deverá apresentar apenas a sua Caderneta da Adolescente ou o próprio cartão de vacina. O esquema da aplicação quadrivalente inclui três doses, sendo que a segunda dose deve ser aplicada depois de seis meses e a terceira após 60 meses da primeira dose.

O secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão Neto, explica que a estimativa é de que Manaus tenha atualmente uma população de 57.196 meninas com idade entre 9 e 11 anos e a meta é vacinar, no mínimo, 80% desse público-alvo.

“As meninas que participaram das campanhas em 2013 e 2014 e não receberam todas as doses da vacina também poderão procurar as Unidades de Saúde, mas devem comprovar a vacinação anterior apresentando o cartão de vacina”, informa Homero de Miranda Leão.

A Prefeitura de Manaus e o Governo do Estado iniciaram a oferta da vacina contra o HPV em 2013, considerando a alta incidência e mortalidade por câncer de colo de útero na região Norte.  Mesmo com alta incidência, é um tipo de câncer que apresenta forte potencial de prevenção e cura quando diagnosticado precocemente por meio de consultas regulares ao ginecologista e pela realização regular dos exames recomendados.

“A vacinação para a prevenção do HPV é mais uma das estratégias que está sendo disponibilizada para a população na prevenção da doença e é importante que todas as meninas completem o esquema vacinal para que a imunização seja garantida”, destaca o secretário.

Em 2013, na vacinação contra o HPV, 9,6 mil meninas não completaram o esquema vacinal. Em 2014, um total de 6,7 mil meninas não receberam a segunda dose da vacina.

Este ano, a imunização contra o HPV também estará disponível nos Serviços de Acompanhamento Especializado em HIV/Aids (SAEs) para beneficiar mulheres com idade entre 9 e 26 anos vivendo com HIV, mediante apresentação da prescrição médica. O esclarecimento de dúvidas pode ser feito pelo e-mail imunização.semsa@pmm.am.gov.br.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade