Sábado, 25 de Maio de 2019
NÃO CRISA

Primas apostam na venda dindim gourmet para sair da crise em Manaus

Juntas, elas criaram a marca “Tindelícia Dindim Gourmet” e, em pouco tempo, já perceberam que o negócio tem grande aceitação do público e procura por parte dos clientes



1177183.JPG
Somente nos primeiro 15 dias de vendas, a dupla faturou aproximadamente R$ 800 que foram prontamente investidos em mais ingredientes e materiais (Foto: Clóvis Miranda)
29/12/2016 às 16:08

O dindim sempre foi uma das guloseimas preferidas do manauaras, principalmente por ser geladinho. Gostosos e baratos, eles são a melhor opção em dias de calor. Difícil andar pelas ruas de Manaus e não encontrar uma placa nas casas com as palavras mágicas “Vende-se Dindim”. As primas Siamara Peixoto e Cristina Peixoto estão apostando nessa delícia para ter uma renda.

Juntas, elas criaram a marca “Tindelícia Dindim Gourmet” e, em pouco tempo, já perceberam que o negócio tem grande aceitação do público e procura por parte dos clientes.

Como surgiu

Cristina contou que ela e Simara estavam sem emprego, quando resolveram trabalhar juntas. “Eu tinha largado o emprego para cuidar da minha mãe que estava doente, e a Simara teve filho e ele precisava de cuidados. Então, começamos a pensar em algo que pudéssemos fazer juntas”, lembrou Cristina, que trabalhava como analista financeira.

Um dia, ela teve a ideia de fazer dindins com sabores diferentes e quando contou para Simara, descobriu que a prima estava com a mesma intenção. “Na hora tivemos certeza que era o momento certo de trabalharmos juntas, por conta da sintonia” revelou Cristina.

Apoio da família

Elas contaram com o apoio de amigos e familiares que doaram utensílios como luvas, embalagens, bacias e até desconto na gráfica para impressão das etiquetas da marca. Com essa ajuda e R$ 300, elas tiraram para comprar os ingredientes. Somente nos primeiro 15 dias de vendas, a dupla faturou aproximadamente R$ 800 que foram prontamente investidos em mais ingredientes e materiais.

Com dez sabores especiais (ovomaltine, morango, leite ninho, maracujá, brigadeiro, sonho de valsa, prestígio, ninho com kikat, e ninho com nutella e ninho com M&M), elas também tem dois sabores “detox”, um com abacaxi, limão,laranja, chia e gengibre, e outro com limão, laranja , couve, hortelã, chia e gengibre. Todos os sabores custam R$ 4 e podem sem encomendados pelos telefones 99242-9454 ou 99355-2032.

Elas estão nas redes sociais

Como o negócio ainda está no início, Cristina e Simara tem apostado na divulgação no Instagram (@tindelicia). A pretensão das sócias é em breve ter um ponto fixo para atender os clientes dos dindins gourmet.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.