Sábado, 20 de Abril de 2019
publicidade
1.jpg
publicidade
publicidade

Manaus

Procissão da Via Sacra levou 20 fiéis às ruas do Centro de Manaus

Tradiconal encenação da Via Sacra tomou às ruas do Centro da capital nesta Sexta Feira da Paixão de Cristo


04/04/2015 às 14:09

A devoção à história de Jesus Cristo levou milhares de pessoas, na manhã de sexta-feira (3), ao Centro da capital para a procissão da Via Sacra, celebrada na Sexta-Feira Santa. Segundo o Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), o número de fiéis ultrapassou a marca de 20 mil pessoas neste ano, o dobro do público de 2014. Durante todo o percurso em ruas e avenidas, histórias de superação e promessas dos cristãos ganharam força por meio da fé.

Foi o caso do aposentado Edjonas Alves Rodrigues, 50. Acompanhado da família e em uma cadeira de rodas, Edjonas relatou que sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) no ano passado. Por conta das sequelas, ele foi à procissão pela primeira vez. “Vim em cadeira de rodas pedir que eu melhore na recuperação. É complicado ficar dando trabalho pra todo mundo”, contou ele.

O envolvimento no ato religioso também foi observado entre os organizadores da celebração. Avó da pequena Vitória, de 10 anos, que formava a barreira de proteção para a encenação do ritual litúrgico, Lutegardes Alfaia, 51, refletiu sobre a importância do Catolicismo na formação da sua família. “Minhas três filhas nasceram na igreja e a minha neta também gosta muito. Acho importante essa participação porque nesse mundo onde tem muita droga e corrupção, Jesus Cristo ensina o que é certo”, diz.

Maior participação

A Arquidiocese de Manaus dividiu o percurso da Via Sacra em 15 estações, as quais representaram cada momento da trajetória de Jesus até a crucificação.

Durante a caminhada, que saiu da Catedral Metropolitana de Manaus, Centro, conhecida como Igreja da Matriz, o público que saía de suas casas se incorporava à multidão, até chegar ao destino final, a Igreja Nossa Senhora de Fátima, bairro Praça 14, Zona Sul. O público final, segundo o CPM, é o dobro do estimado no ano passado, quando 10 mil pessoas foram às ruas.

Para o arcebispo metropolitano de Manaus, Dom Sérgio Castriani, o aumento do número de fiéis é um “fenômeno paradoxal”. “A cada ano que passa as pessoas voltam a praticar a religião. Se por um lado aumenta aqueles que não tem religião, por outro lado aumenta conscientemente a quantidade de pessoas que escolhem uma vida de fé”.

Procissão

Pelo menos 120 agentes de trânsito do Manaustrans e mais de 60 policiais militares acompanharam toda a movimentação dos fiéis no Centro da capital, que seguiu para a Zona Sul. A avenida Sete de Setembro e a rua Visconde de Porto Alegre foram interditadas na manhã de ontem. A procissão durou aproximadamente 2h e foi conduzida pelo padre Charles Silva, pároco da Catedral.

Saiba mais: Celebrações

Foto: Euzivaldo Queiroz

Para representar a morte de Jesus Cristo, outra procissão saiu da Igreja Nossa Senhora de Fátima em direção à Catedral na tarde de sexta. Pelo menos duas outras celebrações marcaram a Via Sacra na capital: a primeira ocorreu na Igreja São Pedro, bairro Petrópolis, às 15h30, já a segunda aconteceu na Igreja Nossa Senhora de Nazaré, bairro Adrianópolis.

publicidade
publicidade
Adaf apreende mais de 11 toneladas de alimentos impróprios para consumo em Manaus
Abrigo Moacyr Alves realiza no próximo final de semana a 10ª Feijoada Beneficente
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.