Publicidade
Manaus
CRESCIMENTO

Produção de bikes de alto rendimento no PIM dobra em dezembro e anima ciclistas

Mais de 20 mil bicicletas das categorias mountain bike e estrada foram fabricadas no Polo Industrial de Manaus (PIM) durante o último mês de 2018 12/01/2019 às 11:52
Show whatsapp image 2019 01 12 at 00.31.31 1d03e37b f1d9 48e4 9b6d 81819d57a8b4
Foto: Arquivo Pessoal
Karla Mendes Manaus (AM)

Em trilhas, estradas, na praia ou via urbana, a utilização de bicicletas têm se tornado cada vez mais presente na vida das pessoas. Em 2018, a produção de bicicletas de alto rendimento, como as utilizadas em ciclismo de estrada e Mountain Bike, cresceu no Polo Industrial de Manaus (PIM), segundo dados da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo).

Os dados demonstram que a categoria 'mountain bike' teve 13.711 unidades produzidas no mês de dezembro de 2018, um número 102,9% maior do que em 2017, quando foram produzidas 6.757 unidades. Já a produção das bicicletas da categoria 'estrada' cresceu 179,5% em dezembro, com 478 itens fabricados, enquanto em 2017, apenas 171 unidades foram feitas. 

Em Manaus, os grupos de ciclistas têm se organizado cada vez mais em eventos esportivos da região. Um dos participantes do grupo “Top Bikes”, Iran Sadayoshi, 40, revela que, em 9 anos, chegou a comprar 15 bicicletas de diferentes estilos para passeios e eventos esportivos. Ele conta que, por ser colecionador, chegou a comprar uma bicicleta de 1978.

“Eu comecei a participar de eventos esportivos com o objetivo de perder peso, assim como a maioria das pessoas. Na época, eu utilizava a bicicleta do meu irmão, mas depois fui fazendo a minha própria coleção”, relembra Iran.

“Quando percebi, já estava envolvido no mundo ciclístico, participando de diversos eventos e com bikes para mountain bike, estrada, com fibra de carbono e muitos outros estilos”, completa.

Entre as atividades preferidas de Iran estão trilhas e passeios ciclísticos.  “Por conta do trânsito, comecei a andar em Manaus nas madrugadas, quando é mais tranquilo, mas adoro participar de trilhas, passeios ciclísticos e cheguei até a usar a bicicleta como meio de transporte por um tempo. Mas acabei desistindo”, afirma.

Crescimento Geral

Segundo a Abraciclo, em 2018, as fabricantes do PIM produziram 773.641 bicicletas, um volume 15,9% maior do que 2017, quando foram produzidas 667.363 itens.

Para 2019, o setor espera chegar a 857 mil unidades produzidas, um crescimento de um crescimento de 10,8%.

Os dados são animadores para os amantes do ciclismo, que aproveitam o ano para firmar novas metas. “Eu pretendo me dedicar mais ao movimento ciclístico em 2019. É bom para a saúde, para o rendimento físico e acredito que só trará benefícios. Minha meta é treinar para competir em um triatlon”, conclui Iran.

Publicidade
Publicidade