Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019
DENÚNCIA

Professor é afastado suspeito de sugerir relação sexual em troca de nota

Aluna denunciou caso à Polícia Civil, que instaurou inquérito para investigar o caso



brasileiro_1E97534E-A1A2-43BB-ABAA-8AECD85637F8.JPG Foto: Google Maps/2012
07/08/2019 às 20:52

Uma estudante de 16 anos denunciou o professor de educação física por assédio sexual, em Manaus. O homem teria sugerido mudar a nota da aluna na disciplina caso ela mantesse relações íntimas com ele. Após a denúncia, ele foi afastado do cargo.

O crime teria ocorrido no Colégio Brasileiro Pedro Silvestre, situado na Rua 10 de Julho, no Centro de Manaus. Conforme o Boletim de Ocorrência (BO) registrado na noite de terça-feira (6), o professor fez a oferta a estudante na tarde da última sexta-feira (2), por volta das 14h.

Na ocasião, a adolescente de 16 anos relatou que foi questionar o professor sobre a nota baixa na disciplina. O professor disse que mudaria a nota, caso ela aceitasse a proposta de ter relações com ele.

Segundo a delegada Izandra Rego, que responde interinamente pela Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), um inquérito policial foi instaurado para apurar a ocorrência. Os envolvidos no caso serão chamados para serem ouvidos.

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-AM) informou que o professor foi afastado de suas funções na escola enquanto são apurados os fatos relacionados à denúncia de assédio sexual. A pasta informou ainda que a coordenação psicossocial da Seduc-AM foi mobilizada para prestar apoio à estudante que protocolou a denúncia.

A Seduc comunicou que vai estudar medidas imediatas a serem tomadas e que vai respeitar o direito de defesa do professor.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.