Sábado, 18 de Janeiro de 2020
Manaus

Professores grevistas da Universidade Federal do Amazonas farão uma carreata nesta quinta-feira (24)

A “Carreata Cidadã” é para esclarecer a sociedade sobre os motivos da paralisação



1.jpg No total, 257 docentes deflagraram a greve na capital e do interior
23/05/2012 às 16:31

Em greve por tempo indeterminado, os professores da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) realizam nesta quinta-feira (24), a “Carreata Cidadã”, para esclarecer a sociedade sobre os motivos da paralisação. A expectativa é reunir aproximadamente 300 participantes, entre professores, técnicos administrativos em educação, estudantes e representantes de entidades sindicais.

“A carreata seguirá pela Avenida Rodrigo Otávio, pegando a Avenida Cosme Ferreira, chegando à Avenida Grande Circular até o complexo viário do São José, retornando depois para a universidade”, explicou o 1º tesoureiro da Associação dos Docentes da Ufam (Adua), professor José Humberto Michiles. Os docentes irão finalizar a atividade na entrada do campus universitário, denominado pela categoria como “Bosque da Resistência”.



Segundo o presidente da Associação dos Docentes da Ufam (Adua) Antônio Neto, a ideia é ir às ruas para dar visibilidade à greve e dialogar com a população.

“Nossa intenção é conquistar o apoio da sociedade ao nosso movimento, indo até ela para explicar os motivos da paralisação”, disse o 2º. vice-presidente regional Norte I do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes-SN), professor Jacob Paiva.

A concentração da carreata ocorrerá às 8h, no estacionamento do Campus Universitário Sul (antigo Mini-Campus). A saída da carreata está programada para as 9h.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.