Publicidade
Manaus
Manaus

Projetos para captação de verbas somam 2,5 bi em Manaus

Os projetos incluem construções de escolas de atendimento integral, centros de idiomas e multimídias, revitalização da orla fluvial de Manaus, instalação de um aquário municipal, Parque Ecológico do Encontro das Águas, entre outros 02/09/2013 às 14:10
Show 1
Um dos projetos prevê a revitalização da orla da Manaus Moderna
ACRITICA.COM* Manaus, AM

Até dezembro deste ano, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, pretende incrementar as receitas do Município com o máximo de recursos provindos da União e de entidades internacionais. As secretarias e órgãos do executivo municipal já apresentaram mais de 130 projetos, que totalizam R$ 2,5 bi em investimentos a serem pleiteados na capital federal.

“Temos em mãos projetos interessantes e realistas para levarmos aos parlamentares. Diante do esforço de cada pasta na elaboração desses projetos, não poderemos nos acusar que somos relapsos na captação de recursos. Vamos juntos em busca das oportunidades”, disse o prefeito durante o workshop em que os projetos foram apresentados, realizado no último final
de semana.

O secretário Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno (Semef), Ulisses Tapajós, também ficou bastante satisfeito com o empenho das secretarias. “Temos projetos para trabalhar até 2014. Estamos atuando em Brasília e já adquirimos experiências em operações conveniadas com os ministérios e entidades internacionais. Estamos otimistas”, ressaltou Tapajós.

Conforme afirmou o secretário da Semef, o trabalho agora é para formatar todos os projetos de modo que todos fiquem de acordo com as exigências das entidades que concedem os recursos. Ele afirmou ainda que a Prefeitura trabalha neste objetivo desde o início do ano e já capacitou aproximadamente 60 técnicos para atuarem nos projetos.

Projetos

Os projetos a serem apresentados em Brasília englobam todas as áreas de atuação da Prefeitura. Alguns dos mais ousados estão com as secretarias de Infraestrutura e Educação, orçados em R$ 750 milhões e R$ 400 milhões, respectivamente.

Incluem construções de escolas de atendimento integral, centros de idiomas e multimídias para alunos da rede municipal. Em infraestrutura há projetos de repaginação da orla fluvial de Manaus, instalação de um aquário municipal, além do projeto Parque Ecológico Encontro das Águas, entre outros.

*Informações da Assessoria de Comunicação da Semef

Publicidade
Publicidade