Quinta-feira, 22 de Agosto de 2019
MAIS GÁS

Promoção e escalonamento estimularão policiais e bombeiros, dizem gestores

Decretos com os atos de promoção, que beneficiam 2.415 policiais militares e 404 bombeiros foram assinados pelo governador em exercício, desembargador Flávio Pascarelli, na noite de quinta-feira (13)



pms.JPG Foto: Liz Souza/SSP-AM
14/07/2017 às 20:18

Em reunião nesta sexta-feira (14), o secretário de Segurança Pública do Amazonas, Sérgio Fontes, e os gestores dos órgãos do Sistema de Segurança, destacaram que as promoções e escalonamento concedidos pelo Governo do Estado à Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Civil irão estimular atuação de servidores, pois significam a valorização e reconhecimento de quem está nas ruas com a missão de proteger a sociedade.

Os Decretos com os atos de promoção, que beneficiam 2.415 policiais militares e 404 bombeiros e os despachos autorizando a incorporação aos salários do reajuste previsto no Plano de Escalonamento da Polícia Civil para 2017 foram assinados pelo governador em exercício, desembargador Flávio Pascarelli, na sede do Governo do Amazonas, na noite desta quinta-feira (13).

Durante encontro na manhã desta sexta na Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), o secretário Sérgio Fontes afirmou que os atos significam mais que cumprimento da legislação. “É um reconhecimento e uma justa atenção a um pleito nosso. Do ponto de vista do policial é a evolução da carreira, é reconhecimento do trabalho. Tenho certeza que o Governo do Estado injetou muito mais ânimo para o policial continuar trabalhando pela sociedade e somos todos gratos por esse resultado positivo”, disse.

Para o comandante da Polícia Militar, coronel David Brandão, as promoções irão fazer diferença do trabalho dos policiais. “A promoção é algo natural na vida do policial militar, é algo que valoriza nossa tropa e faz uma grande diferença porque o policial militar feliz e contente com condições adequadas de trabalho produz e trabalha mais”, afirmou.

O delegado-geral da Polícia Civil, Frederico Mendes, afirmou que hoje é um dia histórico para o Estado do Amazonas. “Significa uma conquista, um direito reconhecido, porque nós estamos fazendo essas tratativas desde janeiro e, mesmo nas dificuldades, continuamos fazendo nosso trabalho com prisões e apreensões. Só temos a agradecer o dr. Flávio Pascarelli e o dr. Sérgio Fontes pelo reconhecimento”, destacou.

Para o comandante do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas, coronel Fernando Júnior, as promoções são um marco nas comemorações de 141 anos da Corporação. “É um marco no Corpo de Bombeiros porque é a maior promoção da nossa história, com 404 promoções. Com certeza a tropa trabalha mais aliviada e ainda mais comprometida”, disse.

A Lei nº 4044/2014, que dispões sobre a reestruturação da Carreira de Praças Militares do Estado do Amazonas e dá outras providências, foi assinada em 9 de junho de 2014, estabelecendo as regras e critérios de  graduações ascensão na carreira de alunos soldados, soldados, cabo, sargento e subtenente.

Em relação à Polícia Civil, o reajuste correspondente ao Plano de Escalonamento, pago sempre a partir de janeiro, foi regular entre 2012 e 2016, mas, para 2017, em função da crise, o benefício ainda não tinha sido cumprido. O pagamento, que corrige perdas salariais passadas com a inflação vai até 2018.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.