Quinta-feira, 25 de Abril de 2019
publicidade
1.jpg
Para delegado, os quatro homens tinham a intenção de usar as peças do veiculo desmanchado para revender no mercado
publicidade
publicidade

Manaus

Quatro homens são presos suspeitos de integrarem quadrilha de roubo de veículos

Um deles foi autuado por furto qualificado e todos responderão por receptação


15/04/2015 às 10:00

Quatro homens foram presos na tarde de desta terça-feira (14), no bairro Parque de Riachuelo, no Tarumã, Zona Oeste, suspeitos de integrarem uma quadrilha de roubo e desmanches de veículos. Com eles, a polícia localizou um dos veículos roubados e um outro desmanchado. Eles foram autuados na Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV).

Segundo o delegado Paulo Martins, titular da DERFV, os homens foram localizados a partir da prisão de Wilmar Simões da Silveira, 24, o “Mera”, na última sexta-feira. Ele era investigado pelo roubo de um Peugeot vermelho, que ocorreu no estacionamento de uma universidade da Zona Centro-Sul. O homem estava escondido em uma vila, no bairro Nossa Senhora de Fátima, na Zona Norte, onde o veículo também estava escondido.

Com da prisão de Mera, a polícia descobriu os outros participantes da quadrilha: Sebastião Gomes da Silva, 47, o “Neri”, Reginaldo Garcia Soriano, 45, o “Baiaca”, e Cleuson Rodrigues Oliveira, 22.

publicidade

De acordo a polícia, Mera também conseguiu comprar um  outro carro roubado, um fiesta cinza, e vendeu para Sebastião Gomes, que possui uma oficina, no bairro Parque Riachuelo, na Zona Oeste.

Os civis foram até lá e encontraram apenas a carcaça do veiculo. À eles,  Mera contou que conseguiu o veiculo em uma outra oficina, no mesmo bairro. Os policiais continuaram as diligencia e na oficina do mecânico Cleuson Rodrigues, eles localizaram várias pecas do fiesta roubado. “Quem levou esse carro pra mim foi o Baiaca, mas eu nunca imaginei que o carro fosse roubado. Até porque a gente não pode perguntar muita coisa”, explicou o mecânico

Para o delegado Paulo Martins, os quatro homens tinham a intenção de usar as peças do veiculo desmanchado para revender no mercado. “Esse foi o primeiro caso de carro desmanchado nós encontramos este ano. Provavelmente eles iam revender essas peças”, disse o delegado. Ele também explicou que um dos presos, o Baiaca, comprou o fiesta roubado para desmontá-lo e montar um outro veículo com as peças.  

O quarteto foi autuado por receptação, mas Wilmar também vai responder por furto qualificado. Eles foram ouvidos, mas como o crime é afiançável, ele vão poder pagar fiança e responder em liberdade.

publicidade
publicidade
Música clássica inspira exposições fotográficas em cartaz na capital
Acidente envolvendo nove veículos deixa av. Umberto Calderaro paralisada
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.