Publicidade
Manaus
Manaus

Recesso de final de ano deixa trânsito mais tranquilo na capital do Amazonas

O período de recesso escolar, dos órgãos públicos e de algumas instituições, deu mais fluidez ao trânsito de Manaus 21/12/2014 às 10:50
Show 1
Ruas ficam mais "tranquilas" no fim de ano em Manaus
Náferson Cruz Manaus (AM)

Com o período de recesso das instituições de ensino municipal, estadual e particular, grande parte das vias de Manaus registram trânsito mais tranquilo que o habitual. A melhoria no tráfego é sentida por quem convive diretamente com o trânsito. O taxista Joaquim Matos, 42, diz enfrentar menos congestionamentos no período nesse período de recesso escolar.

“Quando as escolas estão funcionando, o trajeto de ida e volta do Centro ao bairro Cidade Nova, na Zona Norte, leva em média 50 minutos ou até mais. Neste mês, o tempo cai para 20 minutos”, comentou.

Na opinião do taxista Adriano Silva, 35, o trânsito melhora não apenas pela diminuição na quantidade de veículo. “É porque alguns pais que vão buscar os filhos querem estacionar na porta da escola e param em fila dupla. Daí, não tem jeito, o fluxo cai mesmo”, ressaltou.

A sensação sentida pelos motoristas também é comprovada em números pelo Departamento Nacional de Trânsito no Amazonas (Detran-AM), que estima a ausência de quase 40% dos 793.784 veículos existentes na capital, neste o mês de recesso.

A vendedora e usuária do transporte coletivo, Maria Luiza Lima, 24, trabalha em uma loja localizada próxima à Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), na avenida Umberto Calderaro (antiga Recife) confirma a diminuição no movimento pela região nesse período. “Não há muito movimento na loja, isso é constatado também pela circulação de veículos na via”, disse.

O pouco fluxo de veículos também é notado em frente à Escola Idaam, na avenida Djalma Batista, em pleno horário de pico, 17h. O mesmo ocorre na avenida Maceió, em frente à Secretaria Municipal de Educação (Semed). “Em dias de aula, perto do horário do almoço e no final da tarde, fica muito complicado trafegar. Já nas férias cai um pouco o movimento”, relata o empresário Lúcio Marques, 46, que possui uma loja próximo ao Idaam. Ele ressalta que nesse período, até fica fácil encontrar vagas para estacionar nas proximidades das instituições de ensino.

Movimento no Centro

Apesar da tranquilidade das principais vias, no Centro da cidade a movimentação continua intensa e deve dobrar com a chegada do Natal e do Ano Novo. O manobrista Lucas Andrade, 28, que trabalha em um estacionamento na avenida Eduardo Ribeiro, no Centro, comentou que o movimento no estabelecimento não diminui durante as férias escolares, pelo contrário, o tráfego continua carregado. “As pessoas continuam a frequentar o Centro para fazer compras, passear e ir ao banco”, diz.

Publicidade
Publicidade