Quarta-feira, 02 de Dezembro de 2020
Abraciclo

Retomada no setor duas rodas é lenta com 14.609 motocicletas em maio

Indústria de motocicletas vive momento de retomada gradual de atividades. Na comparação com maio do ano passado, houve queda de 85,5% na produção



motos_190611EB-92BD-408F-85D5-AB9D451A82DF.jpg No acumulado de 2020, as vendas no atacado somaram 300.930 unidades. Foto: Arquivo AC
11/06/2020 às 08:56

A indústria brasileira de motocicletas registrou em maio 14.609 unidades produzidas no Polo Industrial de Manaus (PIM), de acordo com dados da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo. Este volume representa alta de 887,8% em relação a abril (1.479 unidades), mês em que a produção ficou praticamente paralisada, com 70% das fábricas do PIM sem atividade. Na comparação com maio do ano passado (100.998 unidades), houve queda de 85,5%.

No acumulado dos cinco primeiros meses do ano foram fabricadas 313.687 motocicletas, representando uma redução de 33,1% na comparação com o mesmo período de 2019 (468.984 unidades).



“As atividades começaram a ser retomadas na primeira quinzena de maio, com o retorno de aproximadamente metade das fábricas que estavam paradas. Na última semana do mês a volta das atividades fabris chegou a 80%. Os dados de maio refletem essa retomada gradual de atividades do setor e apontam para tendência de uma nova melhora no comparativo mensal de produção em junho”, afirma Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo.

Fermanian acrescenta, porém, que o cenário é de incerteza, de forma que ainda não será possível refazer as projeções para este ano. “Precisamos acompanhar atentamente o mercado nas próximas semanas para termos uma base mais ampla e confiável antes de revisarmos os números”, diz.

Vendas no atacado

Em maio as fábricas repassaram para as concessionárias 18.355 motocicletas, representando um crescimento de 254,8% no comparativo com abril (5.173 unidades) e queda de 80,8% ante maio do ano passado (95.755 unidades).

No acumulado de 2020, as vendas no atacado somaram 300.930 unidades, correspondendo a uma queda de 34,1% na comparação com o mesmo período de 2019 (456.772 unidades).

Desempenho

Ainda em maio, a Street se manteve como a categoria mais comercializada no atacado com 7.593 unidades, representando uma alta de 214,8% em relação a abril (2.412 unidades) e 83,2% inferior a maio do ano passado (45.285 unidades).

O segundo lugar também se manteve com a Trail, com 3.743 motocicletas comercializadas, volume 201,1% superior em relação ao mês anterior (1.243 unidades) e redução de 80,5% na comparação com maio de 2019 (19.173 unidades).

Com 3.293 unidades comercializadas, a Scooter veio na sequência com resultado 633,4% superior do que o registrado em abril (449 unidades). Em relação a maio do ano passado (9.480 unidades), houve recuo de 65,3%.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

1 Dez
129463226_10224649977941399_3335464876289685344_o_55F2D25F-6751-49E7-A8CB-039D81ECD217.jpg

Fast anuncia reforços para a sequência da Série D

01/12/2020 às 21:23

Thiago Spice, Márcio Passos e Janeudo que chegam do Manaus, já treinaram com o restante do elenco, enquanto Dija Baiano que vem do Volta Redonda-RJ ainda fará exames para então poder se juntar ao grupo. Todos estavam atuando no Campeonato Brasileiro Série C


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.