Quarta-feira, 23 de Junho de 2021
DECLARAÇÃO

Ricardo Nicolau defende convocação de Arthur Neto para depor na CPI da Pandemia

Aliados na montagem do hospital de campanha municipal, usado como mote para alavancar sua candidatura a prefeito em 2020, Artur e Nicolau romperam antes do processo eleitoral



57d2c3bf-a506-4d62-80ff-a84e89a8273b_6AF45A6B-EF4C-464A-99C9-F391D52B8211.jpg Foto: Divulgação
27/05/2021 às 13:52

Dono da Samel, empresa parceira da montagem do hospital de campanha municipal Gilberto Novaes, no ano passado, o deputado Ricardo Nicolau (PSD) defendeu nesta quinta-feira (27), durante sessão da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), a convocação do ex-prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), pela CPI da Pandemia, no Senado.

“Acho que a CPI deveria convocar o ex-prefeito Arthur Neto. Na administração dele, houve a primeira onda, o ex-prefeito ainda pegou na sua administração, no mês de dezembro, a segunda onda, que foi mais letal e mais dolorida ao povo de Manaus”, sugeriu Nicolau.

Aliados na montagem do hospital de campanha municipal, usado como mote para alavancar sua candidatura a prefeito em 2020, Artur e Nicolau romperam antes do processo eleitoral.

Para Nicolau, o ex-prefeito deve ser convocado a fim de explicar o que foi feito na condução da pandemia na esfera municipal durante a gestão de Arthur e esclarecer, entre outras coisas, o que foi deixado para a nova administração tocar o combate à doença.

Nicolau, que pediu licença das atividades parlamentares no ano passado, para supervisionar o hospital, insistiu que a unidade, fechada após a primeira onda, poderia seguir sendo usada para atender pacientes de covid-19.

Segundo o candidato a prefeito derrotado, Arthur Neto é um “leão” para defender o seu enteado, mas para defender os interesses do estado do Amazonas ele vira uma “coala”.

O  engenheiro Flávio Rodrigues foi morto na casa do enteado do prefeito, Alejandro Valeiko, em 29 de setembro de 2019. O corpo foi retirado do local do crime em um carro da prefeitura sob responsabilidade do segurança do tucano, PM Eliseu Paz.

“Eu vi por parte do prefeito, da secretaria (de saúde), ineficiência, negligência, falta de cuidado e falta de amor com o ser humano”, disse.

Ricardo apontou suspeitas em uma gama de contratos feitos pela prefeitura para atender o hospital de campanha. De acordo com ele, os contratos estão disponíveis no portal covid da prefeitura de Manaus.

Entre eles, estão: contrato de lavanderia com preço do kg da roupa a R$11, esterilização a R$500 mil, serviço de limpeza contratado por R$ 3 milhões, além de uma compra de 250 mil comprimidos de azitromicina.

Em resposta ao depoimento da secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro, nesta terça-feira (25) na CPI da Pandemia, afirmou que viu o caos na assistência primária de Manaus, Arthur Neto classificou o depoimento de “um festival de mentiras” e disse que nem ele e nem David “deixaram as Unidades Básicas desassistidas”. Arthur deixou a prefeitura em 31 de dezembro de 2020

Hospital de campanha

Em parceria com a Samel e outras empresas que auxiliaram na montagem do hospital, a Prefeitura de Manaus inaugurou às pressas no dia 13 de abril, a unidade de campanha.

Em junho, a prefeitura passou a administrar o hospital e manteve os atendimentos. Durante os dois meses de funcionamento, o hospital atendeu mais de 570 pacientes - entres eles, 28 indígenas.

Após a parceria, a Samel e a Prefeitura brigaram por equipamentos do hospital de campanha quando o grupo Samel tentou reaver os equipamentos para atender pacientes de covid-19 em Boa Vista (RR).

Na campanha eleitoral do ano passado, o hospital de campanha esteve no centro de disputas na Justiça Eleitoral porque Nicolau tentou vincular a criação do hospital à sua imagem e não à uma parceria público-privada.

O candidato do PL, Alfredo Nascimento, apoiado por Neto, assim como o segundo colocado, Amazonino Mendes (Podemos), judicializaram a questão. Após idas e vindas, a Justiça Eleitoral decidiu desobrigar a citação da parceria nos programas eleitorais.




Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.