Sábado, 07 de Dezembro de 2019
Manaus

Rio Preto da Eva (AM) ganhará quatro novos grupos geradores para evitar 'apagões'

Protestos foram realizados em frente à Usina Termelétrica da concessionária Amazonas Energia, localizada na estrada AM 010, KM 78, onde pelo menos 150 pessoas queimaram pneus e madeira para interditar a passagem do local.



1.jpg Revoltados com o racionamento de energia no município de Rio Preto da Eva moradores da cidade realizaram manifestação em frente à Usina Termelétrica da concessionária Amazonas Energia
02/08/2012 às 22:56

Moradores do município de Rio Preto da Eva realizaram durante esta quinta-feira (02) uma manifestação contra o ‘apagão’ de mais de 30 horas, conforme foi publicado no Portal acritica.com, nesta manhã.

Os protestos foram realizados em frente à Usina Termelétrica da concessionária Amazonas Energia, localizada na estrada AM 010, KM 78, onde pelo menos 150 pessoas queimaram pneus e madeira para interditar a passagem do local.




Em nota, a assessoria da Eletrobrás Amazonas Energia explicou que o racionamento dos últimos dias se deve a problemas técnicos no grupo gerador da Usina Termelétrica que alimenta o município, mas que já se encontra no local um novo grupo gerador, que funcionará a partir das 18h30.

Ainda em nota, informaram que nesta sexta-feira (03), quatro outros grupos geradores começarão a ser instalados para resolver de forma definitiva, os problemas de fornecimento de energia no local.




Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.