Publicidade
Manaus
Homenagem

Ritta Calderaro é homenageada na abertura da Semana da Pátria no Amazonas

Ritta Calderaro foi reconhecida na categoria vulto estadual, sendo representada na solenidade desta quarta-feira pela presidente da Rede Calderaro de Comunicação (RCC), Cristina Calderaro 01/09/2016 às 11:01 - Atualizado em 01/09/2016 às 11:05
Show 02
Cristina Calderaro, presidente da Rede Calderaro de Comunicação recebeu a homenagem pela mãe nesta quinta-feira (Foto: Euzivaldo Queiroz)
Paulo André Nunes

A cerimônia de abertura da Semana da Pátria no Amazonas foi realizada na manhã desta quinta-feira (01), na Ponta Negra, com uma homenagem bastante singular para uma das personalidades do magistério e do jornalismo do Estado: a empresaria Ritta de Cássia de Araújo Calderaro. Ela foi reconhecida na categoria vulto estadual, sendo representada na solenidade desta quarta pela presidente da Rede Calderaro de Comunicação (RCC), Cristina Calderaro.

Casada com o jornalista Umberto Calderaro Filho, fundador do jornal A Crítica, continuou à frente dos negócios do grupo Rede Calderaro de Comunicação após a morte do marido, por mais de 20 anos. Faleceu no dia 25 de junho deste ano e deixou uma história marcada pela luta diária de trabalho.

“Me sinto feliz e a mamãe também está feliz com essa homenagem, que é o reconhecimento por tudo o que ela fez em vida”, declarou Cristina Calderaro.

Entre outros pontos altos da Semana da Pátria no Amazonas estão os tradicionais desfiles Escolar - dia 5 a partir de 17h no Sambódromo - e Naval - no dia 6, às 9h, na praia da Ponta Negra - e no feriado do dia 7 de setembro, às 8h15, coordenado pelo Comando Militar da Amazônia (CMA) e com apoio da Secretaria e Estado da Educação e Qualidade do Ensino (SEDUC) e Cerimonial do Governo do Estado, será realizado o Desfile Militar.

O Desfile Militar também será no Centro de Convenções – Sambódromo. Encerrando as festividades de Semana da Pátria e do Amazonas, a solenidade do Abafamento do Fogo Simbólico acontece no Complexo Ponta Negra, às 17h, e será coordenada pela Seduc e Maçonaria.

Publicidade
Publicidade