Publicidade
Manaus
ESBURACADAS

Ruas próximas a terminais de ônibus cedem ao peso dos veículos e ficam esburacadas

No conjunto Jardim Versalles, na Zona Centro-Oeste, a rua 12, onde fica o terminal das linhas 204, 205 e 212, está esburacada e, segundo moradores da área, o problema não é recente 02/03/2017 às 11:10 - Atualizado em 02/03/2017 às 14:39
Show 1200336
Moradores alegam que asfalto usado nas ruas dos conjuntos que possuem pontos finais de linha é de baixa qualidade (Foto: Euzivaldo Queiroz )
Alik Menezes Manaus (AM)

Ruas onde ficam localizados pontos finais de linhas de ônibus da cidade “vivem” esburacadas por conta do tráfego intenso desses veículos, provocando desconforto a usuários do transporte público, transtornos a moradores e prejuízo a motoristas de carros de passeio que trafegam por essas vias.

No Conjunto Jardim Versalles, na Zona Centro-Oeste, a rua 12, onde fica o terminal das linhas 204, 205 e 212, está esburacada e, segundo moradores da área, o problema não é recente. De acordo com uma moradora, que pediu para não ser identificada, os buracos prejudicam tanto quem passa a pé pela rua quanto os donos de carros de passeio porque, às vezes, os buracos estão tão fundos que bate o assoalho dos carros. “Às vezes os buracos são tão grandes que quando a gente percebe, caiu e bateu o pára-choque”, disse.

A moradora disse que, apesar dos danos, tem receio que o terminal seja retirado da rua e que a criminalidade aumente no conjunto. “Hoje tem uma movimentação ali naquela área, e se o terminal sair pode ser que aumentem os casos de assalto a pedestres e até nas residências”, disse.

Outro morador, que também não quis se identificar, afirmou que o tipo de asfalto utilizado na rua não é o ideal e deveria ser mais reforçado, porque essa pista é utilizada como ponto final de três linhas de ônibus. “Não sou contra o terminal da linha ser aí, muita gente usa o transporte público”, disse, alegando que há falta de ações da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) naquela área do conjunto.

O morador contou, também, que há uma iniciativa de uma moradora que pede a retirada do terminal do conjunto em virtudes dos prejuízos. “Ele estava fazendo um abaixo-assinado, mas acredito que ainda não deu em nada”, disse.

Na rua Uirapuru, no Conjunto Ouro Verde, na Zona Leste, o fluxo de ônibus também colabora para que buracos se formem na pista, próximo das calçadas. “Com o peso dos ônibus que estacionam aqui próximo das calçadas, buracos vão se abrindo e ficam cada vez maiores”, contou a universitária Lídia Santos.

Encaminhamentos

A Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) informou que a situação das vias será encaminhada ao distrito de obras da área e que ainda nesta semana será realizada uma avaliação da área para executar o serviço de forma emergencial.

Publicidade
Publicidade