Quarta-feira, 23 de Setembro de 2020
Ensino

Secretaria de Cultura e Economia Criativa retoma aulas do Curso de Libras

As aulas, interrompidas devido à pandemia da Covid-19, serão retomadas dia 25 de agosto



share_big_Curso_de_Libras__3__86F73B45-617B-4A1D-BC7B-F94D93482594.jpg Foto: Divulgação
21/08/2020 às 17:08

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, irá retomar as aulas do curso de Língua Brasileira de Sinais (Libras), que foram interrompidas em razão da pandemia de Covid-19 no mês de março. O curso é oferecido pela Assessoria de Inclusão a Pessoa com Deficiência da pasta, no Cine Teatro Guarany e Palacete Provincial.

As aulas serão retomadas a partir do dia 25 de agosto, próxima terça-feira, para os alunos que já estavam inscritos no curso básico e avançado de Libras. “Tomamos todas as medidas necessárias para a retomada. As cadeiras estão separadas e marcadas para o distanciamento social e o número de alunos por turma reduzido, conforme a recomendação do Governo, de 20 alunos. O uso de máscara é obrigatório para entrar no local”, informa Sheila Campos, assessora de Inclusão.



A Assessoria de Inclusão também oferecerá mais um curso básico de Libras, em parceria com o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam), no auditório do Palacete Provincial, com turmas preenchidas a partir da lista de espera da Secretaria de Cultura e Economia Criativa.

“Como não podíamos realizar aglomeração e também temos nossa lista de espera dos cursos que já oferecemos, ligamos para os participantes para realizar a matrícula e assim, preenchemos a turma”, explica Sheila.

As aulas dos cursos de Libras serão realizadas de terça a sexta-feira, no Cine Teatro Guarany, anexo ao Palácio Rio Negro (avenida Sete de Setembro, Centro).

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.