Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
CAPACITAÇÃO

Seduc vai abrir 700 vagas em MBA da FGV para gestores da rede estadual

Proposta da renomada instituição está em análise; inscrições devem ser abertas em setembro para gestores de Manaus e interior



seduca-1534112543.JPG
12/08/2018 às 18:22

Depois de disponibilizar mais de 4 mil vagas em cursos de especialização e mestrado, destinadas a professores da rede pública estadual e municipal, a Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc) anuncia que deve abrir, no início de setembro, inscrições para o MBA em Gestão Escolar, formação inédita no Amazonas. Aproximadamente 700 vagas deverão ser abertas para gestores educacionais, tanto para a capital quanto para o interior do estado.

“Na semana passada estivemos no Rio de Janeiro contratando a Fundação Getúlio Vargas para realizar o primeiro MBA de Gestão Escolar da história do Amazonas. Pela primeira vez os gestores das nossas escolas terão a oportunidade de se especializar. Nós vamos trabalhar algo em torno de 700 vagas no estado inteiro”, afirmou o secretário de educação do Amazonas, professor Lourenço Braga.

De acordo com o secretário, a proposta que está sendo formulada passará por uma análise. “A Fundação Getúlio Vargas deve estar entregando a proposta até esta sexta-feira (10/8) e o setor jurídico da Seduc vai examinar as condições. A Fundação Getúlio Vargas é uma instituição reconhecidamente competente. Eu espero que no início de setembro a gente consiga começar o processo de inscrição”, informou Braga.

Aumento – A oferta de qualificação em nove meses foi maior do que em sete anos, considerando o período de abril de 2010 a abril de 2017, quando foram abertas 2.760 vagas de mestrado e especialização. O aumento foi de mais de 50%.

“Não se faz educação de qualidade sem ter um professor competente na sala de aula. Isto é indiscutível. Nós estamos formando 4.320 professores, 120 em quatro mestrados diferentes, contratados, pela primeira vez na história, com a Universidade Federal do Amazonas, apesar de ela ser centenária. Quando a gente prepara o professor, a gente tá preparando o aluno de amanhã. A gente tá construindo um futuro diferente na educação”, concluiu o secretário de educação, Lourenço Braga.

 

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.