Sábado, 20 de Abril de 2019
publicidade
1.gif
publicidade
publicidade

Manaus

Segurança nos terminais de ônibus de Manaus será reforçada

Prefeitura vai propor ao Governo do Estado uma parceria para garantir o fim da criminalidade nos terminais de ônibus


27/04/2013 às 12:35

A segurança nos terminais de ônibus da cidade deve ser reforçada por meio da parceria entre a Prefeitura de Manaus e o Governo do Estado. O município pretende firmar um convênio de colaboração com o Estado para intensificar a presença da Polícia Militar (PM) nos terminais.

A medida surge em decorrência dos casos constantes de assaltos e furtos registrados contra os usuários do transporte coletivo nos terminais durante a noite, especialmente nas últimas viagens.

Os crimes aumentaram o clima de insegurança e os usuários alegam abandono da prefeitura, responsável pela administração dos terminais, e do Estado, responsável pela segurança pública. Para tentar evitar os assaltos, os usuários se aglomeram em pequenos grupos para inibir a ação dos criminosos, que agem livremente a partir do final da noite.

Compartilhamento

Para ao diretor de transportes da Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), Waldir Frazão, apesar da gestão dos terminais ser competência do município, a segurança deve ser compartilhada com o Estado. A prefeitura, por exemplo, possui a Guarda Municipal, mas ela não tem poder de polícia, uma vez que, tem a função de resguardar o patrimônio público. Por esse motivo, existe a necessidade de reforçar o policiamento, uma vez que, a segurança da população é feita pela polícia.

O diretor explicou que existe o entendimento entre o Estado e município sobre a questão e que, inclusive, o policiamento aumentou nos terminais do bairro Cidade Nova (T3) e Jorge Teixeira (T4). “Foi feito o pedido ao comandante da Polícia Militar, Almir David, e as viaturas do Ronda no Bairro passaram a dar mais apoio nos terminais”, disse.

De acordo como Frazão, o levantamento das condições estruturais e de segurança dos seis terminais está sendo feito pelos técnicos da prefeitura e à medida que as dificuldades são identificadas são repassadas para o prefeito Artur Neto que deve formalizar o pedido de ajudar ao Governo do Estado. Esse pedido será encaminhado também a Secretaria de Segurança.

publicidade
publicidade
Bolsonaro promete enviar ao Congresso projeto que classifica invasões como terrorismo
Ônibus da linha 315 pega fogo e precisa ser evacuado dentro do T1 em Manaus
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.