Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
ELEIÇÕES 2018

Sem cabeça de chapa, Eduardo Braga oficializa candidatura à reeleição ao Senado

Questionado durante convenção partidária se o MDB vai apoiar algum candidato ao governo, Braga foi enfático: "O partido vai apoiar o povo do Amazonas".



braga_1.JPG O partido apresentou também a candidatura à reeleição da deputada estadual, Alessandra Campêlo, e do deputado federal, Gedeão Amorim (Foto: Márcio Silva)
04/08/2018 às 10:58

O senador Eduardo Braga (MDB) oficializou a candidatura à reeleição em convenção partidária na manhã deste sábado (4). O evento reuniu filiados e correligionários da sigla na Casa da Festas, Rancho Sertanejo, bairro Flores, na Zona Centro-Sul de Manaus. 

“Vejo a manifestação do povo com muita alegria, entusiasmo e otimismo. Estamos iniciando uma caminhada que é importante, por uma luta de um Amazonas melhor e um Brasil melhor. Estamos muito otimistas de que teremos a confiança do povo para mais uma vez representar e lutar as bandeiras que geram emprego, desenvolvimento e responsabilidade social para o nosso povo”, afirmou Eduardo Braga, presidente Estadual da Sigla.

Questionado se o partido irá apoiar algum candidato ao governo do Estado, Braga foi enfático “O partido vai apoiar o povo do Amazonas”.

Entre os nomes apresentados pelo partido para a disputa deste ano está a deputada estadual Alessandra Campêlo, candidata à reeleição e o pré candidato à Câmara Federal, deputado federal Gedeão Amorim.

"Chapa-Camarão”

A estratégia de Braga é a mesma adotada por Alfredo Nascimento (PR) na eleição de 2006, quando se elegeu senador: disputar sem cabeça de chapa.

Sem o compromisso de pedir voto para qualquer um dos candidatos ao governo e livre para pedir voto para si mesmo, Eduardo Braga vai brilhar sozinho na propaganda eleitoral, sem ter que dividir seu tempo de TV com ninguém.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.