Segunda-feira, 27 de Janeiro de 2020
Manaus

Semef apresenta Sistema de Arrecadação do município ao TCE

A reunião acontecerá no auditório do TCE com a presença da cúpula da Semef, que apresentará o sistema aos procuradores do MPC e também aos conselheiros do TCE na próxima terça-feira (26)



1.jpg Pleno do Tribunal de Contas do Estado
22/11/2013 às 14:07

Para afastar qualquer possível desconfiança de fraude em relação à isenção de dados dos tributos municipais no Sistema de Arrecadação Tributária de Manaus — como a descoberta pela polícia em São Paulo, este mês —, o secretário Municipal de Finanças, Planejamento e Tecnologia da Informação (Semef), Ulisses Tapajós, apresentará na próxima terça-feira (26), às 9h, ao Ministério Público de Contas junto ao Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (MPC/TCE) o funcionamento de toda a máquina tributária do município.

A reunião acontecerá no auditório do TCE com a presença da cúpula da Semef, que apresentará o sistema aos procuradores do MPC e também aos conselheiros do TCE.



Segundo o procurador-geral do MPC, Carlos Alberto Souza de Almeida, responsável pelo encontro, a reunião entre as duas instituições foi sugerida pelo próprio secretário da Semef, Ulisses Tapajós Neto, que pretende explicar como é feito o lançamento do IPTU, ISS, Alvarás e outras cobranças efetuadas pelo município de Manaus por intermédio da secretaria.

Além de Ulisses Tapajós, técnicos e assessores da secretaria irão participar da reunião, que também abordará o trabalho do agente tributário municipal, mais especificamente sobre a atuação que esse agente tem nas cobranças dos tributos.

Além de sugerir que a reunião fosse realizada no auditório do TCE, o presidente em exercício do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Josué Filho, sugeriu que depois da reunião com a cúpula da Semef e MPC fosse realizada, futuramente, uma ampla reunião com a participação da sociedade.




Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.