Publicidade
Manaus
Manaus

Semulsp define estratégias para coleta de lixo no Centro

De acordo com o secretário Paulo Farias, as equipes da secretaria, em parceria com a Associação Comercial do Amazonas (ACA) e os lojistas da área, vêm desenvolvendo uma ação de ordenamento do descarte de lixo e de materiais recicláveis, aproveitados pelos catadores. 23/01/2013 às 18:51
Show 1
Os pontos de coleta de lixo são supervisionados por funcionários da Semulsp
acritica.com* Manaus (AM)

No início da noite da última terça-feira (22), o secretário Municipal de Limpeza e Serviços Públicos, Paulo Farias, esteve nas ruas do Centro, acompanhado de diretores da empresa Tumpex, responsável pela coleta de lixo na área, para definir estratégias de trabalho.  

A visita começou pela esquina da Rua Quintino Bocaiúva com a Avenida Eduardo Ribeiro. O local havia sido visitado pelo prefeito Arthur Virgílio Neto, no dia 2 janeiro, durante o início do mutirão de limpeza, no primeiro dia efetivo de administração.  

De acordo com o secretário Paulo Farias, as equipes da secretaria, em parceria com a Associação Comercial do Amazonas (ACA) e os lojistas da área, vêm desenvolvendo uma ação de ordenamento do descarte de lixo e de materiais recicláveis, aproveitados pelos catadores.

“Já melhorou bastante a situação dessa área, e foi um período de ajustes e diálogos. Agora, nós vamos entrar na etapa de engenharia, ou seja, a definição da logística e dos equipamentos que serão utilizados a longo prazo nessa operação”, explicou o secretário.  

O Centro de Manaus conta, atualmente, com sete pontos de coleta seletiva, onde lojistas e camelôs descartam os materiais recicláveis. Estes pontos são supervisionados por funcionários da Semulsp e devem passar por ajustes ao longo deste ano. A coleta de resíduos orgânicos é feita três vezes ao dia na área. Diariamente, são retiradas, em média, 70 toneladas de lixo do centro da cidade.

*Com informações de assessoria

Publicidade
Publicidade