Publicidade
Manaus
PROTESTO

Servidores da saúde protestam em frente à sede do Governo do Estado, em Manaus

Segundo a Polícia Militar, pelo menos 150 pessoas participam do protesto que afetou o trânsito na Avenida Brasil. Servidores cobram benefícios e chamada de aprovados em concurso 24/01/2018 às 10:16 - Atualizado em 24/01/2018 às 16:20
Show fotoabc
Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

Servidores da saúde do Amazonas iniciaram na manhã desta quarta-feira (24) uma manifestaçãoem frente à sede do Governo do Estado, na Avenida Brasil, bairro Compensa, Zona Oeste de Manaus. O grupo interditou duas faixas da via e fez uma série de reivindicações.

Entre as reivindicações, os manifestantes cobram por meio de faixas e cartazes benefícios como vale-alimentação, vale-transporte e a chamada de aprovados em concurso público. Uma comissão de servidores foi formada para se reunir com um representante do governo.

Segundo a Polícia Militar, pelo menos 150 pessoas participam do protesto. O Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) informou que o fluxo no sentido bairro/Centro da avenida é lento. A PM e o Manaustrans monitoram a manifestação.

A Susam informou, por meio de nota, que o vice-governador e secretário de Segurança Pública, Bosco Saraiva, recebeu, na manhã desta quarta-feira (24/01), representantes dos servidores da saúde na sede do Governo do Amazonas, no bairro Compensa II, zona oeste de Manaus. Durante o encontro, o vice-governador ouviu as reivindicações da categoria e afirmou que o governo Amazonino Mendes está fazendo um trabalho de reestruturação da saúde, que envolve melhorias aos profissionais do setor.

"A gente caminha no sentido de receber as reivindicações. O doutor Deodato, secretário de Saúde, não está em Manaus e nós vamos conversar com ele assim que ele chegar. Já há um trabalho de reestruturação completa da Susam em andamento. Nós vamos juntar a esse trabalho essas reivindicações de hoje para dar sequência aquilo que é orientação do governador Amazonino Mendes, arrumar nossa casa", afirmou o vice-governador.

O secretário estadual de Saúde, Francisco Deodato, está participando, em Brasília (DF), de assembleia do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conaas), que conta com a presença do ministro da Saúde, Ricardo Barros.

Publicidade
Publicidade