Quinta-feira, 24 de Setembro de 2020
REESTRUTURAÇÃO

Susam terá o apoio da Sociedade de Cardiologia no Hospital Francisca Mendes

O secretário interino de saúde do Amazonas, Marcellus Campêlo, se reuniu com o presidente da SBC, Marcelo Queiroga, e com a diretora da entidade no Amazonas, Kátia Couceiro, na sede da Susam.



WhatsApp_Image_2020-08-08_at_12.09.21_87B01CB5-E3F5-4F8D-8F3C-EC33EF782237.jpeg (Fotos: Divulgação)
08/08/2020 às 12:49

A Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) vai atuar em conjunto com a Secretaria de Estado de Saúde (Susam) na reestruturação do Hospital Universitário Francisca Mendes (HUFM), que será transformado em fundação. Na tarde desta sexta-feira (07/08), o secretário interino de saúde do Amazonas, Marcellus Campêlo, se reuniu com o presidente da SBC, Marcelo Queiroga, e com a diretora da entidade no Amazonas, Kátia Couceiro, na sede da Susam.

O Governo do Amazonas passou a administrar de forma plena a unidade em junho deste ano, após 17 anos sob o comando da Fundação de Apoio Institucional Rio Solimões (Unisol). Durante o encontro foram definidas uma série de ações, como a realização de um programa de treinamento na área de urgência, além de trabalhar na ampliação de ações voltadas para a educação e saúde, tanto no HUFM, quanto no Hospital Delphina Abdel Aziz, que será a unidade de retaguarda para esse tipo de atendimento. 



O secretário saúde interino, Marcellus Campêlo, explicou como surgiu a ideia de contar com o apoio da SBC e falou sobre a importância da parceria. “Durante audiência com a Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do Estado, no mês passado, fiz o convite para a doutora Kátia e hoje estamos aqui tratando de um gigantesco passo para que possamos oferecer um serviço ainda com mais qualidade aos nossos usuários”.

O presidente da SBC, o médico cardiologista Marcelo Queiroga, disse que a interação com a entidade é muito produtiva contribui para a busca de soluções dos problemas e o diálogo é uma dessas etapas. Queiroga disse que a entidade vai trabalhar em conjunto com a Susam para melhorar a assistência para que as pessoas vivam mais e melhor no Amazonas, que é um patrimônio não só do Brasil mas de todo o mundo. 

“Discutimos os problemas da assistência cardiovascular no Estado do Amazonas como um todo, desde a atenção primária até a alta complexidade. O objetivo é melhorar o desempenho da prestação do serviço de saúde, fazer com que os recursos humanos que hoje são disponíveis possam render melhor pra que nós temos condições de mudar a história natural das doenças, reduzindo mortalidade cardiovascular. Há um empenho muito grande da Secretaria de Saúde dos médicos que integram os serviços públicos do Amazonas”. 

De acordo com a presidente da SBC regional Amazonas, Kátia Couceiro, a entidade tem plenas condições para ajudar e estará disponível para cooperar e participar desse momento de transição no Hospital Universitário Francisca Mendes. “A gente viu pela primeira vez uma abertura com a Sociedade Amazonense de Cardiologia, e uma esperança da gente termos um atendimento de maior qualidade para os amazonenses”, acrescentou Kátia.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.