Publicidade
Manaus
Manaus

Suspeito de comandar tráfico no Ouro Verde, em Manaus, teria faturado R$ 5 milhões, diz polícia

Três foram presos com dez quilos de cocaína avaliada em R$ 100 mil. Um deles seria responsável pela parte financeira da facção criminosa FDN 26/03/2015 às 12:05
Show 1
Francisco “Kinho”, Arison e Natália Brenda
Fábio Oliveira Manaus

Uma equipe do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc) prendeu Arison de Almeida Terço, suspeito de ser um dos comandantes do tráfico de drogas do bairro Ouro Verde, em Manaus, e que teria faturado aproximadamente R$ 5 milhões neste ano.

Com ele, os investigadores também prenderam Natália Brenda de Castro Magalhães, 20, e o mototaxista Francisco Nascimento dos Santos Filho, vulgo “Kinho”, 50. O trio foi preso em casa, na rua Felismino Soares, Ouro Verde, com dez quilos entre cocaína e droga, avaliada em R$ 100 mil.

Arison, ao ser preso, confessou que era o dono da droga. O adjunto do Denarc, delegado Leonardo Marinho, informou que Arison é integrante da facção criminosa Família do Norte (FDN). Ele era o responsável pela parte financeira.

Sete cadernos com anotações de venda foram apreendidos. Neles tinham contabilidade de R$ 30, 50 e 70 mil, entre outros valores. O trio será autuado por tráfico de drogas e associação para o tráfico e, em seguida, encaminhado a cadeia pública da cidade.

Publicidade
Publicidade