Quarta-feira, 18 de Setembro de 2019
Manaus

Suspeito de cometer homicídio é preso com drogas em Manaus

Ele foi autuado por tráfico de drogas e vai responder pelos crimes de homicídio e violência doméstica



1.jpg 'Lambão' é o principal suspeito de ter assassinado um homem no dia 28 de fevereiro de 2012 e agredido e roubado o celular da namorada em fevereiro deste ano
08/10/2013 às 09:36

Lucas Leonardo Martins Lopes, 18, mais conhecido como 'Lambão', foi preso na manhã desta terça-feira (8), por volta das 5h50, na rua Sateré Mawé, bairro Novo Israel, Zona Norte de Manaus, portando drogas e material utilizado na embalagem dos entorpecentes. O traficante, conhecido na área, é suspeito de ter matado um homem em 2012, no loteamento Canaã, Colônia Terra Nova. Segundo a polícia ele também teria roubado o celular da namorada e a agredido no começo deste ano.

De acordo com o soldado José Campos da 18ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), a viatura estava em patrulhamento pela via quando avistaram ‘Lambão’ em atitude suspeita.

“Ele viu a guarnição e tentou fugir correndo, fomos atrás e conseguimos alcançá-lo”, disse o policial militar.


Com ele foram apreendidas 23 trouxinhas de cocaína, um balde com vários material usados na embalagem da droga, R$ 25 em espécie e um celular. Lucas foi levado ao 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foi descoberto que ele é o principal suspeito de ter assassinado um homem no dia 28 de fevereiro de 2012 no loteamento Canaã, além de ter ameaçado, agredido e roubado o aparelho celular da namorada Patrícia Souza da Silva no dia 2 de fevereiro deste ano.

Ele foi autuado por tráfico de drogas e vai responder pelos crimes de homicídio e violência doméstica. Após os procedimentos ‘Lambão’ foi encaminhado à cadeia pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa. 


*Com informações do jornalista Thiago Monteiro


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.